Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol Internacional

Frank Lampard considera Diego Costa insubstituível

27 de Junho, 2017

Ponta de lança foi dispensado por António Conte por mensagem telefónica

Fotografia: AFP

O ex-médio Frank Lampard, maior artilheiro da história do Chelsea, disse nesse domingo que acha difícil que o clube londrina encontre um atacante tão bom quanto Diego Costa, que poderia estar de saída.No último dia 7, após ter participado do empate entre Espanha e Colômbia por 2-2, num amigável  disputado em Múrcia, o ponta de lança sergipano revelou ter recebido uma mensagem de texto do técnico dos \'Blues\', Antonio Conte, informando-o que não contava com ele para a próxima época.

\"É um atacante fantástico e todos vimos o que fez na última época e o que fez desde que chegou ao Chelsea. Seria muito, muito complicado substitui-lo, não há dúvida\", disse Lampard à emissora britânica \"Sky Sports\".Diego Costa marcou 20 o em 35 partidas na campanha que culminou com o título do Campeonato Inglês pela equipa orientada pelo treinador italiano. O brasileiro naturalizado espanhol pode voltar ao Atlético de Madrid, mas o clube \'rojiblanco\' está proibido de inscrever novos jogadores até Janeiro e até um empréstimo de seis meses ao futebol brasileiro foi especulado.

\"Não sei o que o Diego quer fazer, se quer ficar ou sair. Tudo o que foi falado até agora é mera especulação. A única coisa clara é que temos nele um atacante maravilhoso\", elogiou o ex-capitão \'blue\'.\"Se permanecer, perfeito. Mas se não, o clube vai ter que contratar algum dos melhores avançados do mundo para o substituir. O Diego está muito bem em termos físicos e tem a capacidade e a qualidade de marcar golos, não é simples encontrar alguém como ele\", acrescentou.

O nome mais forte do mercado no momento para a vaga de Diego Costa é o de Romelu Lukaku. O belga já defendeu a equipa da capital britânica, mas teve passagem apagada e acabou vendido para o  Everton em 2014.Conheço Romelu de quando joguei com ele. Foi muito cedo na carreira e não lhe deram muitas oportunidades quando chegou ao clube. O que está claro é que evoluiu e que seria uma boa opção\", considerou.