Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol Internacional

Real Madrid opta por vender Bale após nova lesão

14 de Novembro, 2017

Extremo está a passar por várias lesões e é pouco utilizado por Zidane

Fotografia: Odd ANDERSEN / AFP

Fora dos campos desde final de Setembro, o Real Madrid mostra-se impaciente com a situação de Gareth Bale, segundo o jornal espanhol "As", que salienta o desejo dos "Merengues" em vender o camisola 11 ao fim desta época, ou seja, em meados de 2018.
"O Bale só aparece ao melhor nível em poucas ocasiões",  escreve o jornal de Madrid.
A notícia surge dias depois do próprio Real confirmar mais uma lesão de Bale, em meio da recuperação de uma antiga, que inclusive deixou o galês fora de compromissos pela sua selecção. Agora, o contratempo deu-se na coxa esquerda do atacante, fica parado até quatro semanas.
Esta, é a 19ª lesão de Bale, desde que desembarcou em Madrid há cinco temporadas. Neste fim de semana, o mesmo diário concluiu que Bale custa ao Real Madrid, por jogo, 1.060.377 de euros, entre salário e verba paga pela transferência (um montante de 168,6 milhões de euros até agora).
Até ao momento, o camisola 11 participou em 70 jogos pelo Real, desde 2013.
Bale não entra em campo desde 26 de Setembro, na vitória do Real Madrid por 3-1, sobre o Borússia de Dortmund, na Alemanha, para a Liga dos Campeões. Com o problema médico, o galês está fora do clássico com o Atlético de Madrid, no dia 18. Também ficou de fora dos últimos compromissos de País de Gales (fora do Mundial-2018) deste ano.
O jogador corre contra o tempo, para disputar o Mundial de Clubes, nos Emirados Árabes, em Dezembro. O Real Madrid estreia-se nas meias-finais no dia 13. Logo depois, no dia 23, os merengues protagonizam o clássico diante do Barcelona. Com 28 anos, Bale tem vínculo com o Real Madrid até Junho de 2022.
 O jogador está a ser pretendido por alguns clubes europeus, sobretudo, o Manchester United, de José Mourinho, mas os "meregues" decidiram mantê-lo. A aposta está a resultar num fiasco. Além disso, sua reputação como jogador frágil, faz que seja desvalorizado e o seu preço não excede a 70 ou 80 milhões, um valor longe dos 120 ou 150 que o United podia pagar neste ano.
Assim, a partida de Bale pode abrir as portas para um novo jogador. Precisamente, o galês foi a última grande assinatura do clube. O principal objectivo é Mbappé. O Real já o queria nesta temporada, mas o francês preferiu ir para o PSG.
Os problemas do clube francês, com o "Fair Play Financeiro", podem fazer com que fosse obrigado a livrar-se de uma de suas estrelas.