Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol Internacional

Seleccionador paga salrios dos adjuntos

09 de Junho, 2018

A Austrlia integra o Grupo C do Campeonato do Mundo, cuja fase final se vai realizar na Rssia, em conjunto com as selees da Dinamarca, Frana e Peru.

Fotografia: AFP

O holandês Bert van Marwijk, seleccionador da Austrália, vai pagar os salários aos oito técnicos adjuntos, durante o Mundial-2018, revelou o treinador, que foi contratado apenas para orientar os ‘socceroos’ na fase final do torneio.
“Estes detalhes são importantes se queremos ter algumas hipóteses no Mundial. Temos de ser profissionais. Para poder controlar todos os aspetos que envolvem a equipa, preciso de trabalhar com as pessoas que conheço”, explicou van Marwijk, de 66 anos.
A federação australiana alegou, que não podia suportar os custos dos adjuntos escolhidos por van Marwijk, pelo que terá de ser o treinador holandês a pagar aos compatriotas Mark Van Bommel, Roel Coumans, Jurgen Dirkx e Taco Van den Velde, bem como a mais quatro responsáveis pela análise dos adversários.
“Eles conhecem a minha forma de trabalhar e o meu modelo de jogo. E eu conheço-os bem e sei que eles aceitaram a minha proposta pelo desafio que ela representa e não pelo dinheiro”, observou van Marwijk, que será substituído pelo australiano Graham Arnold após o Mundial-2018.
A Austrália integra o Grupo C do Campeonato do Mundo, cuja fase final se vai realizar na Rússia, em conjunto com as seleções da Dinamarca, França e Peru.