Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol Internacional

Taça do Mundial 2010 chega a Angola em Novembro

06 de Outubro, 2009

Excursão ao continente africano do troféu da Copa do Mundo que a África do Sul vai realizar começou no passado dia 24 de Setembro no Egipto

Fotografia: Jornal dos Desportos

Com chegada prevista para o próximo dia 1 de Novembro, numa promoção da multinacional Coca-Cola, Angola é dos poucos países – são cinco no total – onde a Taça do Mundial da FIFA 2010 ficará mais de dois dias.
A excursão da Taça do Mundial da FIFA, o simbolo desportivo mais conhecido em todo mundo, e a prova da supremacia no futebol, começou no passado dia 24 de Setembro no Cairo, capital do Egipto, a volta ao continente Africano.
A Taça chegou a capital Egípcia, depois do pontapé inicial dado pela FIFA em parceria com a multinacional Cola-Cola em Zurique, Suiça, no passado dia 21 de Setembro. A volta ao continente Africano irá durar 70 dias e passará por 52 nações.
A excursão é uma realização exclusiva da Coca-Cola em parceria com a FIFA. A The Coca-Cola Company é umas das parceiras institucionais mais antigas ao nível mais alto da FIFA.
No Egipto, a Taça foi recebida por altas entidades governamentais acompanhada de executivos da FIFA e da Coca-Cola, o que se espera venha a acontecer em Angola.
O primeiro país da África sub-sariana que receberá a taça será o Congo Brazzaville, no próximo dia 31 do corrente, posteriormente partirá para Kinshasa, capital da República Democrática do Congo.
No dia 1 de Novembro, a Taça chega a Angola, país em que ficará até ao dia 4 do mesmo mês. Depois da capital angolana, Luanda, Windhoek, Namíbia, será o novo destino do troféu, no dia 6, seguindo-se o Botswana e Zambia nos dias 7 e 8 de Novembro, Burundi, dia 9, e Rwanda no dia 10 de Novembro.
"Com o início da excursão no Egipto, faltam apenas 27 dias para que os fãs em Angola possam ver de perto esta tão prestigiada e desejada Taça", disse Nzola Miranda, responsável de Marketing na Coca-Cola Company.

FIM DA 1ª FASE

A primeira fase da excursão termina no dia 3 de Dezembro de 2009, na Cidade do Cabo, África do Sul, na mesma altura em que serão sorteados os grupos para o Mundial da FIFA de 2010 na África do Sul, enquanto a segunda fase começa em Janeiro de 2010.
Durante a excursão da Taça, os adeptos do futebol terão a rara oportunidade de ver de perto o verdadeiro troféu do Mundial da FIFA. Para possibilitar que o público possa ver de perto a Taça 2009/2010 estarão disponíveis bilhetes aos consumidores através de promoções realizadas pela Coca-Cola nos respectivos países por onde a mesma (taça) passar.

Coca-Cola patrocina
competição há 31 anos

O patrocínio exclusivo da Coca-Cola as competições da Federação Internacional de Futebol Associado (FIFA), com realce para a Taça do Mundial de futebol, que em 2010 será disputada na África do Sul, existe há 31 anos, ou seja, desde 1978.
Em Angola, por exemplo, a Coca-Cola patrocina com exclusividade a I edição do Campeonato Provincial de Futebol de Sub-17 para estudantes do ensino médio, denominado Copa “Coca-Cola”, competição que levar os 12 melhores jogadores à Africa do Sul, por altura do Mundial de 2010.   
A The Coca-Cola Company é a maior empresa de refrigerantes do mundo, refrescando consumidores com mais de 500 marcas gaseificadas e neutras. Para além da Coca-Cola, reconhecida como a marca mais valiosa do mundo, o leque da companhia incluí outras 12 marcas valorizadas em mil milhares de dólares, incluíndo Diet Coke, Fanta, Sprite, Coca-Cola Zero, Vitaminwater, POWERADE, Minute Maid and Georgia Coffee. Através do maior sistema mundial de distribuição, os consumidores em mais de 200 países deliciam as bebidas da Company consumindo em média 1,6 bilhões de unidades por dia. Com um sério compromisso de construir comunidades sustentáveis. A Company está igualmente direccionada para iniciativas que protejam o meio ambiente, conservam os recursos e melhoram o desenvolvimento económico nas comunidades aonde opera.

Adeptos ficam
com lembranças

Durante os eventos em cada cidade, os adeptos terão igualmente a oportunidade de tirar fotografias de lembrança com a Taça, ver um filme especial em 3-D ilustrando os momentos mais memoráveis dos Mundiais da FIFA, como também participar em várias actividades de entretenimento. 
A Taça do Mundial da FIFA de 2010 sucede ao enorme sucesso da primeira excursão internacional em 2006. Naquele ano (2006), a Taça visitou 31 cidades em 29 países, cobrindo 102,570 quilómetros e milhões de fãs tiveram a oportunidade de ver bem perto o prémio mais valioso em futebol.
A verdadeira Taça do Mundial da FIFA é premiada a nação vencedora em cada torneio. A Taça mede 36.8 centímetros de altura, pesa 6,175 gramas e é feita de ouro puro de 18 quilates. Os vencedores retêm a Taça até ao próximo campeonato e recebem uma réplica banhada em ouro, em vez de ouro puro. A base da Taça contém duas camadas feitas de malaquite, onde se encontram gravados os anos e os nomes de cada vencedor no Mundial da FIFA desde 1974.
A relação entre a The Coca-Cola Company e a FIFA começou em 1974, mas como patrocinador oficial começou no Mundial da FIFA de 1978. A Coca-Cola teve anúncios publicitários em todos os Mundiais da FIFA desde 1950 e apoia a modalidade de futebol a vários níveis.
Em 2005, com uma nova iniciativa, a Coca-Cola e a FIFA estenderam a sua parceria. Esta parceria pode ser renovada e está sujeita a certas condições até 2022.
Como parceiro da FIFA na categoria de bebidas não alcoólicas, a The Coca-Cola Company tem completos direitos de participar em todas as competições, incluindo ao Mundial da FIFA e activos exclusivos de marketing.

Detalhes sobre o troféu da FIFA

A Taça mede 36.8 centímetros de altura, pesa 6,175 gramas e é feito de ouro puro de 18 kilates.
A única e verdadeira Taça do Mundial da FIFA é o que os fãs estão a ser convidados a ver durante a primeira Excursão da Taça do Mundial da FIFA pela Coca-Cola, e é a mesma (taça) que é dada ao país vencedor do Mundial da Federação Internacional de Futebol Associado (FIFA).
De acordo ao regulamento do Mundial da FIFA, a Taça deve permanecer em posse da FIFA e não pode ser premiada por completo, daí a equipa vencedora do Mundial da FIFA a retém temporariamente e depois é lhes entregue uma réplica (banhada em ouro, em vez de ouro puro, gravado nele o ano, o país anfitrião e o vencedor do respectivo torneio).