Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

0 Vettel revela desconfiana dos motores elctricos

17 de Dezembro, 2018

Tetracampeo de Frmula 1 considera que se deve diferenciar a electrificao dos automveis de estrada da dos da competio automvel

Fotografia: DR

O piloto de Fórmula 1, Sebastian Vettel, desconfia dos automóveis eléctricos e lamenta o fim da produção dos motores de combustão interna, assumindo a resignação pelo que considera ser uma inevitabilidade, em entrevista ao site alemão Auto Motor und Sport.
“Haverá um momento em que os automóveis que amamos deixarão de ser produzidos. Temos de aceitá-lo, poderemos sempre conduzir os nossos carros antigos. 
Não acredito que os proíbam de circular em todo o lado, essa decisão seria um crime”, declara Vettel referindo-se aos veículos com motores térmicos. 
Sobre os automóveis eléctricos, o piloto alemão da Ferrari reconhece-os como “rentáveis e sustentáveis para o transporte do quotidiano e utilitário, do ponto A para o B”, mas mostra-se céptico sobre outros pretensos benefícios.“Não acredito que os veículos eléctricos possam resolver todos os problemas do mundo. Na minha opinião, é a tecnologia errada. 
Demasiado cara e não é tão limpa quanto o que se pensa. Por exemplo, na questão das baterias em final de vida, que não deixa pegada ecológica imediata e à nossa porta, mas vai deixar noutro local qualquer”, acrescentou.
O tetracampeão de Fórmula 1 considera ainda que “se deve diferenciar” a ‘electrificação’ dos automóveis de estrada da dos da competição automóvel, deixando transparecer que não simpatiza com competições como a Fórmula E e outras com carros exclusivamente eléctricos. “O que nós fazemos é entretenimento, que tem tudo a ver com emoções. A questão é saber que tipo de espectáculo é que cada um quer ver?”, refere.