Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

1 de Agosto e Petro jogam final do provincial de Luanda

15 de Junho, 2019

O ASA, Progresso Sambizanga e o Desportivo Maculusso ocuparam as restantes posies na tabela classificativa.

Fotografia: Jornal dos Desportos

Os papões do andebol nacional e continental, o Petro de Luanda e o 1º de Agosto, voltam a descer hoje, às 18h00, à quadra principal do pavilhão da Cidadela Desportiva para decidir o desfecho de uma nova prova. Desta vez, a luta é para o título do campeonato provincial de Luanda.
Outras vezes, na decisão da Supertaça Francisco de Almeida, Babacar Fall e na Taça dos Clubes Campeões, a vitória escolheu sempre o mesmo lado. As militares comandadas pelo seleccionador nacional, Morten Souback, chegaram a golear as rivais. Ao longo da primeira fase, as agostinas lisaram as rivais em três ocasiões. O último jogo daquela fase saldou-se em empate a 19 golos, um sinal de que as petrolíferas de Vivaldo Eduardo tendem a reagir ao poder de fogo militar.
Ríssia Oliveira, pivot do Petro de Luanda, esteve em dia sim e travou a influente pivot Albertina Cassoma, a unidade mais valiosa do 1º de Agosto. São ingredientes de um jogo, cuja crónica não se pode antecipar.
Para chegarem à final, o 1º de Agosto passou pela Marinha de Guerra ao vencer por 22-12, com 7-4, ao intervalo. O Petro de Luanda precisou de trabalhar mais para eliminar o 1º de Agosto-B, na meia-final, por 23-20, após 13-9 ao intervalo.
Antes da final, às 16h00, as derrotadas da meia-final decidem o terceiro lugar. O ASA, Progresso Sambizanga e o Desportivo Maculusso ocuparam as restantes posições na tabela classificativa.