Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

1 de Agosto est beira da final

19 de Maio, 2018

Militares podem carimbar amanh o passe para a final

Fotografia: Contreiras Pipa| Edies Novembro

Em dia de grande inspiração do extremo Edson Ndoniema, o 1º de Agosto cilindrou ontem, no pavilhão Victorino Cunha, o Atlético Sport Aviação por 95-68 na segunda partida da meias-finais dos play off do Unitel Basket 2017-2018. Com a vitória, os militares do Rio Seco estão a uma vitória para estar na final da competição. No cômputo geral, abrem um parcial de 2-0 nos jogos a serem disputados a melhor de cinco. Ao intervalo, os militares do Rio Seco já venciam por 44-35.

O 1º de Agosto entrou mais esclarecido, depois da pressão vivida no primeiro jogo. Paulo Macedo teve de socorrer da \"sorte\" no prolongamento para sair vitorioso. A experiência obrigou o conjunto do Rio Seco a precaver-se do ataque demolidor dos aviadores.

Ontem, a equipa das Forças Armadas Angolanas fechou as linhas de ataque dos aviadores e partiu ao contra-ataque rápido sempre que teve a bola. A estratégia surtiu efeito e, no primeiro quarto, venceram por 28-18. Os dez pontos de diferença espelhavam o que aconteceria depois.

O Atlético Sport Aviação entrou apático na partida e permitiu várias vezes os militares do Rio Seco dilatar a vantagem no mercador.

Paulo Macedo e pupilos foram superiores em todos os sectores e não deram hipóteses aos aviadores para se aproximar no resultado. O poste Zola Paulo era o mais inconformado na turma aviadora. O poste anotou quinze (15) pontos, que foram insuficientes para travar a valanche ofensiva dos militares, bem liderados por Edson Ndoniema. O extremo militar anotou 24 pontos e foi o cestinha da partida.

O terceiro jogo está agendado para amanhã no Arena do Kilamba. No primeiro jogo, o 1º de Agosto venceu por 84-79, após prolongamento.

Noutra meia-final, o Petro de Luanda e Sport Libolo e Benfica jogam hoje a segunda partida das meias-finais dos play off do Unitel Basket. Os petrolíferos estão com vantagem de 1-0.