Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

1 de Agosto quer atingir cifra dos 90 mil scios

lvaro Alexandre - 04 de Agosto, 2013

Clube Desportivo do 1 de Agosto pretende registar mais de 90 mil scios civis.

Fotografia: Jornal dos Desportos

 A pretensão foi avançada pelo presidente da formação militar, Carlos Hendrick, durante o jantar de gala comemorativo do 36º aniversário do clube, realizado no salão de festas do Complexo do Miramar, em Luanda

Segundo dados revelados pelo seu principal dirigente, a colectividade tem 90 mil sócios militares e aproximadamente 60 mil civis.
“A nossa finalidade é ultrapassar estas cifras. Com a campanha aberta faremos um processo aturado para no final termos um registo de civis que seja superior aos militares”, disse Carlos Hendrick.

O dirigente do clube militar afirmou que o actual elenco directivo traçou uma política de desenvolvimento para ser o maior do país e de África.

O 1º de Agosto completou 36 anos de existência no primeiro dia do mês em curso. Em alusão à data, o elenco presidido por Carlos Hendrick procedeu à inauguração de vários projectos, como o campo de formação Jean-Jacques da Conceição. Para além dos empreendimentos desportivos inaugurados, o clube militar realizou no campo Nicola Berardineli a 7ª edição do torneio de futebol “Tio Armindo”, a 11ª edição da corrida pedestre e o festival de andebol, em ambos sexos.

Na cerimónia realizada no complexo do Miramar, foi também prestada uma homenagem aos dirigentes do clube de diferentes gerações. Os primeiros a serem reconhecidos foram os presidentes da Mesa da Assembleia da formação que foi fundada no dia 1 de Agosto de 1977, nomeadamente, João Luís “Xietu”, França Ndalu, Mariano Puku, João de Matos, Armando da Cruz Neto, Agostinho Nelumba “Sanjar”, Francisco Furtado e Sachipengo Nunda (Chefe de Estado Maior das FAA). A nível da direcção foram homenageados André Pitra Petroff, Pedro de Castro Van-Dúnem “Loy”, Henriques Teles Carreira “Iko Carreira”, Justino Fernandes, Mello Xavier, Pedro Neto, Raul Hendrick e Carlos Hendrick.        A.A