Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

1º de Agosto reencontro África Sport de Abidjan

Silva Cacuti - 20 de Abril, 2016

Militares procuram segundo título

Fotografia: José Soares

A equipa sénior feminina de andebol do 1º de Agosto reencontra a equipa da África Sport de Abidjan na disputa da Supertaça Babacar Fall aprazada para 4 de Maio em Laâyoune - Marrocos. As duas equipas defrontaram-se na última final da Taça das Taças, com as angolanas a vencerem por 36-22.

A equipa angolana joga a Babacar Fall na condição de campeã africana de Clubes, enquanto a agremiação costa - marfinense joga como finalista vencida da Taça das Taças, de acordo com os regulamentos da Confederação Africana de Andebol (CAHB).

No dia seguinte à disputa da Supertaça africana, as duas equipas jogam em grupos diferentes, a 32ª edição da Taça das Taças.

O detentor do título, 1º de Agosto, encabeça o grupo A que integra também o FAP dos Camarões, ASEL do Congo Brazzaville e a estreante equipa do ASCUM de Marrocos. As militares são favoritas à liderança e as anfitriães (ASCUM) vão ser animadoras do grupo. Não há referências recentes de participações de equipas marroquinas nas provas da Cahb.
As marfinenses do África Sport de Abidjan estão empoleiradas no grupo B com rótulo de cabeça de série. O Progresso do Sambizanga, outro representante angolano, está no grupo B com TKC dos Camarões e do Mikishi da RDC.

Em recentes declarações, Teresa Ulundo "Chinha", responsável da equipa sambila quinta classificada da edição anterior, disse que a ambição passa pelo alcance do pódio. A agremiação vai cumprir estágio na região portuguesa de Gaia, onde Victor Tchikoulaev que é o técnico principal prevê integrar dois reforços: uma brasileira e outra europeia.

Na versão masculina, a prova inscreve 12 equipas. No grupo A estão o Esperance de Tunes (Tunísia), Heliopolis (Egipto), FAP (Camarões), Phoenix (Gabão), AL Ittihad (Líbia) e Caiman (República do Congo). No grupo B, estão enquadradas as formações do Zamalek (Egipto), AS Hammamet (Tunísia), Widad Smara (Marrocos), Stade Mandji (Gabão), JSK (RDC) e Eclair D'eseka (Camarões).