Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Abordado oramento dos Jogos da Regio Cinco Benguela 2016

23 de Junho, 2015

Gonalves Muandumba confirmou informao no trmino da reunio da Comisso Organizadora realizada ontem na Galeria dos Desportos

Fotografia: M. Machangongo

Nove bilhões, 506 milhões, 227 mil, 496 kwanzas e 42 cêntimos é o orçamento previsto para os VII Jogos da Região Cinco do Conselho dos Desportos da União Africana, que Angola vai albergar de 4 a 15 de Dezembro de 2016, na província de Benguela. De acordo com o ministro da Juventude e Desportos, Gonçalves Muandumba, que confirmou a informação no término da primeira reunião da Comissão Organizadora, realizada ontem, na Galeria dos Desportos, em Luanda, trata-se de valores que carecem ainda de análise posterior.

Em entrevista à imprensa, explicou não haver ainda um orçamento aprovado e que parte considerável do valor proposto consta já do Produto Interno Bruto (PIB), numa acção em que se vai contar com parcerias público -privadas para diminuir os encargos do Estado. “Estamos a negociar com parceiros privados na questão dos equipamentos desportivos, na gestão da Vila Olímpica e dos Jogos no que tange aos equipamentos e restauração para diminuir o peso do Estado”, reiterou e de seguida acrescentou que vão estar em Benguela cerca de 2.500 pessoas entre atletas, técnicos e dirigentes.

Quanto aos objectivos desportivos da competição para atletas até 20 anos de idade, afirmou que a meta é a melhoria do terceiro lugar do quadro geral de medalhas obtido em 2014, no Zimbabwe, que a aposta vai ser feita, sobretudo, nas modalidades individuais, citou como exemplo o atletismo, o boxe e atletismo adaptado.

A reunião de preparação da competição, antes denominada “Jogos da SADC”, serviu, segundo o titular do pelouro, para a primeira abordagem do plano de actividade, do orçamento, do calendário de reuniões e clarificação da responsabilidade de cada um dos sectores que integram o Comité Organizador, criado por despacho Presidencial.

Integram o Comité Organizador, os Ministérios da Comunicação Social, Finanças, Relações Exteriores, Interior, Hotelaria e Turismo, Transportes, Energia e Águas, Saúde, Urbanismo e Habitação, Educação, Cultura, Secretário de Estado dos Desportos, Secretário Para os Assuntos Sociais do Presidente da República e Governador da província de Benguela.