Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Adiada reeleição de Jacob

Rosa Napoleão - 16 de Novembro, 2016

Auxílio Jacob vai esperar mais alguns dias para festejar a vitória

Fotografia: Domingo Cadencia

As eleições de renovação de mandatos na Federação Angolana de Ginástica, para o quadriénio de 2016/2020, agendadas para 18 do corrente, estão adiadas "sine die". A coincidência de actividades na sala de reuniões do Complexo Residencial do Futungo II é apresentada como a justificação.

Em declarações ao Jornal dos Desportos, o director técnico da Federação, Agostinho Sungo, alegou que a outra reunião "tem carácter importante". Para prevalecer a boa convivência, a direcção decidiu adiar o conclave."Fomos comunicados que a sala estaria ocupada no dia programado, o que nos obriga a remarcar as eleições para outra data. Neste momento, não programamos o dia", disse Agostinho Sungo, que sustentou: "tudo vai depender da disponibilidade do local". 

O processo eleitoral é coordenado por Jesus Porfírio, presidente da Comissão Eleitoral e comporta apenas uma lista de Auxilio Jacob, que concorre à sua própria sucessão na presidência da Federação Angolana de Ginástica. A transparência e a coerência de boa gestão da modalidade levaram os associados a dar voto de confiança.

Auxílio Jacob vai ser reconduzido ao cargo pelos associados provinciais de Luanda, Cabinda, Benguela,  Uíge, Huambo, Bié, Huíla, Namibe, Lunda Sul, Cuanza Norte, Cuanza Sul, Malanje e Cunene, que consolidaram as renovações de mandatos. Cuando Cubango e Moxico perderam o direito de voto por não concluírem os processos de eleição.

Para o mandato dos próximos quatro anos, o elenco pretende marcar presença nos Jogos Olímpicos de Tóquio'2020. Na lista de prioridades consta boa classificação nos Campeonatos Mundiais e marcar o nome de Angola ao mais alto nível em África, onde acumula inúmeras medalhas.

A continuidade na construção dos Centros de Alto Rendimento Especiais, à semelhança dos de Benguela, Huambo e Huíla, a formação de monitores e de professores de Educação Física, assim como a consolidação da extensão da modalidade em todo o país completam o programa de acção.

A lista única é constituída por 21 membros. À Mesa da Assembleia concorrem Baltazar de Oliveira (presidente), Henriques Jacob (vice-presidente) e Idalina Fragoso dos Santos (Secretária). Na direcção, Auxilio Jacob conta com Natacha Gomes Fortes (vice-presidente  de Administração e Finanças), Ruben Mangueira de Carvalho (vice-presidente para Relações Internacionais), Agostinho Sungo (vice-presidente para o Desporto), Jesus Porfírio dos Santos (vice-presidente para as Relações Públicas, Comunicação e Imagem), Elsa Holária Pitra (vice-presidente para o Acompanhamento das Províncias) e Nguesa Campos (Secretária geral).

Para os vogais concorrem Cláudio Domingos e Melvânia Santiago dos Santos. Raul Lima vai dirigir o Conselho Fiscal, coadjuvado por Afonso Kuedy (vice-presidente). Paulo Serrão concorre para presidente do Conselho de Disciplina e Jorge Minguês vai liderar o Conselho Jurisdicional.