Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Adjunto dos Warriors nos Lakers

01 de Maio, 2016

Depois de brilhar como jogador Luke Walton quer fazer o mesmo como treinador da equipa dos Lakers

Fotografia: AFP

Luke Walton, treinador adjunto dos Golden State Warriors, vai treinar os Los Angeles Lakers, anunciou na sexta-feira a equipa californiana da NBA. O técnico, de 36 anos, coadjuva Steve Kerr na tentativa da formação de Oakland conquistar o segundo título consecutivo e vai suceder nos Lakers a Byron Scott, que comandou a equipa nas duas piores temporadas da sua história.

Walton comandou interinamente os Warriors na fase inicial da presente temporada, quando conseguiu 39 vitórias e quatro derrotas, dos quais o recorde de 24 triunfos consecutivos, enquanto Kerr recuperava de uma operação às costas.

"Estamos ansiosos pela chegada de Luke a Los Angeles, onde sentimos que vai iniciar uma carreira de treinador excepcional", afirmou o director dos Lakers Mitch Kupchak.

O até agora adjunto vai regressar à equipa que defendeu durante nove temporadas como jogador, entre 2003 e 2012, tendo conquistado os títulos de 2009 e 2010, antes de rumar aos Cleveland Cavaliers, entre 2012 e 2013. Nas duas últimas temporadas de Kobe Bryant na NBA, os Lakers protagonizaram as duas piores temporadas da sua história, contabilizando 38 vitórias em 164 jogos, das quais apenas 17 na presente época.

BLAZERS
Entretanto, os Portland Trail Blazers consumaram na sexta-feira a reviravolta na primeira ronda dos 'playoffs' da NBA, ao afastarem os os Los Angeles Clippers, enquanto Miami Heat empataram a eliminatória com os Charlotte Hornets. Os Trail Blazers venceram os Clippers por 106-103 e asseguraram o triunfo na eliminatória, por 4-2, depois de terem perdido os dois primeiros embates, e vão disputar as meias-finais da conferência frente aos Golden State Warriors, campeões em título.
Damian Lillard, com 28 pontos, comandou o ataque da formação de Portland, que teve ainda mais quatro jogadores com mais de 10 pontos, casos de C.J.McCollum, Maurice Harkless, Allen Crabbe e Al-Farouq Aminu, contra os 32 de Jamal Crawford e os 21 de Austin Rivers do lado dos californianos.

Na conferência Este, os Miami Heat, que também venceram os dois primeiros jogos da eliminatória, quebraram o ciclo de três triunfos dos Charlotte Hornets, ao vencerem em casa por 97-90 e obrigando ao sétimo e decisivo encontro no domingo, novamente na Flórida.

O vencedor desse embate vai disputar as 'meias' a Este frente ao vencedor da eliminatória Indiana Pacers e Toronto Raptors, que também regista um empate 3-3, após o triunfo dos Pacers por 101-83.