Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Africano de Luanda aguarda oficializao

Rosa Napoleo - 11 de Junho, 2018

Jiu Jitsu angolano tem poucos meses para informar Confederao Africana

Fotografia: Dombele Bernardo| Edies Novembro

Há menos de quatro meses para acolher o primeiro campeonato africano, em Luanda, de 16 a 23 de Outubro, a Federação Angolana de Jiu Jitsu está preocupada pela não oficialização do evento junto das entidades competentes do Estado angolano.
Em declarações ao Jornal dos Desportos, o secretário geral da Federação Angolana de Jiu Jitsu, Pedro Emous, assegurou que \"o pedido de autorização já se encontra no Ministério da Juventude e Desportos\".
\"Aguardamos a confirmação da instituição reitora do desporto no país\", disse.
Até que a \"luz verde\" acenda, as comissões de trabalho já se desdobram nos contactos com os potenciais patrocinadores.
\"Nesse momento, trabalhamos para conseguir os meios da competição como o local, os tatames, a publicidade, o alojamento, alimentação e a transportação interna\", disse.
A precaução do grupo de trabalho assenta na inexperiência de muitos integrantes na realização de um evento de cariz internacional.
\"O jiu-jitsu tradicional nunca realizou esta competição. É uma experiência nova. Vários factores contribuíram para que o evento foi atribuído a Angola.  Além de apresentarmos bons indicadores, também o país adoptou uma nova postura na migração. A maior parte dos países participantes não vão precisar de vistos de entrada\", esclareceu.
A realização da presente edição foi igualmente cobiçada pela Federação das Ilhas Maurícias, que se evidencia em África. Pedro Emous reiterou que \"aquele país levava alguma vantagem na questão da hospedagem das delegações por ter os custos de hotéis baixos\". A atribuição do evento a Angola resulta \"do mérito próprio\".
Angola apresentou a candidatura para realizar o certame em 28 de Novembro de 2017, mas só foi aprovada a 27 de Abril do ano corrente na Conferência da União Africana, decorrida em Mogadíscio.