Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Amarelinhos preparados para braadas

Rosa Panzo - 25 de Novembro, 2019

Comit Organizador trabalha para o xito da prova

Fotografia: Jos Soares| edies novembro

Com objectivo de juntar atletas de varias gerações da natação nacional, o Clube Náutico da Ilha de Luanda (Amarelinhos), acolhe neste fim de semana, a partir da 16h00, a I edição da Taça H2O, que será disputada em três fases.A segunda fase esta agendada para o dia 25 de Janeiro de 2020 e a terceira e última fase, para o dia 18 de Abril.
A vice-presidente da Federação Angolana de Natação, Ana de Lima, garantiu ao Jornal dos Desportos, que estão salvaguardadas as condições inerentes a realização da prova.
\"Nós temos tudo garantido para o arranque do evento, fechamos as inscrições no dia 20 e estão confirmadas a presença de 190 nadadores de cinco clubes. Neste processo também formou-se cinco equipas\", disse.
A dirigente referiu que a prova terá a jurisdição da FAN, devido as regras da FINA que serão implementadas no torneio, \"mas a organização e alojamento é da responsabilidades da H2O\", salientou.
O técnico principal do CNIL e membro da comissão organizadora da Taça H2O, Carlos Alberto, revelou que da parte dos organizadores está tudo aposto para a realização da prova.
\"Estamos a tratar de tudo, para que a realização da primeira fase seja um sucesso. Estão confirmadas a presença de nadadores, que já contribuíram para a evolução da natação nacional e devo dizer que só estamos a espera da data marcada para o arranque da prova\", referiu.  Para o treinador, esta inovação tem o objectivo de aproximar os atletas nacionais, para uma convivência mais aberta,\" porque as vezes só temos a oportunidade de estarmos juntos, quando somos chamados para fazer parte da selecção\".
Segundo o regulamento da prova, o evento terá 18 provas que serão repartidas em seis por cada fase. Na qual os atletas só poderão saber das provas que irão nadar, após a realização do sorteio que se vai realizar duas semanas antes de cada fase.
Os atletas dos 10 anos para baixo só podem nadar até duas provas, ao passo que os atletas dos 11 anos em diante podem nadar até três provas por cada fase.
A prova tem também como meta, levar ao conhecimento dos atletas nacionais as regas da Federação Internacional de Natação (FINA).