Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Anfitris no grupo da morte

Augusto Panzo - 25 de Outubro, 2018

A cidade de Accra vai ser palco de uma das sries do CAN feminino que o Gana vai acolher este ano

Fotografia: DR

A selecção nacional de futebol feminina do Ghana, anfitriã do Campeonato Africano das Nações (CAN) Total 2018 do género, que vai decorrer entre os dias 17 de Novembro a 1 de Dezembro do corrente ano, nas cidades de Acra e Cape Coast, no Ghana, está inserida no grupo A, considerado como bastante difícil, por fazerem parte  os combinados nacionais da Argélia, Mali e Camarões, todos adversários de grande peso a nível do futebol continental da categoria.
As Rainhas Negras, alcunha que o combinado feminino ghanense usa, começam a luta pelo título a enfrentar a forte selecção argelina, no dia 17 de Novembro, para a abertura da prova, cujo desafio vai ser disputado no Acra Sports Stadium.
As anfitriãs voltam a defrontar três dias depois, a similar do Mali, isto é, a 20 de Novembro, encerram a campanha da primeira fase do grupo diante do gigantesco combinado nacional dos Camarões, jogo marcado para o dia 23 de Novembro.
Enquanto isso, a Nigéria parece ter a situação mais facilitada, integra o grupo B, como cabeça de série, em que está a selecção da África do Sul, conjunto com o qual vai abrir as hostilidades para a defesa do título, no dia 18 de Novembro, na cidade de Cape Coast, para além dos conjuntos nacionais da Zâmbia e do Quénia.
As apelidadas Super Falcões, detentoras do título e oito vezes campeãs da competição, jogam com a Zâmbia, no dia 21 de Novembro e encerram o primeiro ciclo, no dia 24 do mesmo mês, têm por adversária a selecção do Quénia.
As duas selecções, melhores classificadas de cada grupo, disputam as meias-finais, numa prova que vai ser realizada, pela primeira vez, num país da África Ocidental, para além de servir de eliminatória para o Campeonato Mundial de Futebol da categoria, a ser disputado em Junho do próximo ano, em França. Os grupos estão constituídos, por Ghana, Argélia, Mali e Camarões (A) e Nigéria, África do Sul, Zâmbia e Quénia (B).