Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Anglodente quebra "jejum"

?lvaro Alexandre - Hu?la - 21 de Janeiro, 2017

A formação da Anglodente quebrou um "jejum" de seis anos

Fotografia: Jornal dos Desportos

A formação da Anglodente quebrou um "jejum" de seis anos, período que esteve sem coleccionar o troféu máximo, conquistou a XXVII edição do  Campeonato Nacional por equipas.

A campeã venceu a congénere dos Persistentes, na final, por 3-0, partida disputada ontem no Pavilhão gimno-desportivo Nossa Senhora do Monte. Após espelhar o brilho na fase de grupo e depois nas meias-finais, com as vitórias diante do Desportivo da Huila, por 3-0, da Escola de Ténis de Mesa de Luanda (campeão destronado) “B”, por 3-0, e da Águia do Kalumbiro da Huíla, por 3-0, todas obtidas na série “B”, nos quartos e meias-finais a Anglodente voltou a triunfar diante do Clube Palanca da Huíla, por 3-0, e do Club Desportivo Escorpiões da Boa Fé, vice-campeão, por 3-0.

A fraca resistência oferecida pela dupla exibida pelos Persistentes, que esteve constituída  por André Vumo e Osvaldo Rocha, traduziu-se em ganho para o António Lemos e Domingos Manuel, oficiais de campo da equipa da Anglodente.

O cojunto mais esclarecido aproveitou para apresentar o seu estilo de jogo sem grandes oposições, e geriu a final até a almejada vitória, visto que a direcção do clube esteve ao seu encalço há mais de uma década.

A derrota de André Vumo diante Domingos Manuel, na primeira bateria de jogos, galvanizou a equipa da Anglodente. O desafio terminou em 1 a 3 sets, com os parciais de 5-11, 11-3, 7-11 e 7-11.

A pouca sorte voltou a tomar conta da equipa derrotada. Osvaldo Rocha não evitou o desaire diante do António Lemos, perdeu por 1-3, com os parciais de 6-11, 11-5, 4-11 e 3-11.


NACIONAL SÉNIOR
André Vumo e António Lemos
no cartaz dos oitavos-de-final


André Vumo e António Lemos disputam hoje às 10 horas, no pavilhão gimno-desportivo  Nossa Senhora do Monte, a partida de cartaz dos oitavos-de-fnais do XXVII Campeonato Nacional sénior masculino de ténis de mesa.

O sorteio realizado pelo Conselho Técnico do Nacional da Huíla, coloca em risco de afastamento permaturo, um dos dois tenistas. O primeiro atleta tem a oportunidade de desforrar-se da derrota sofrida na final do Campeonato Nacional, por equipas, disputado ontem, no referido recinto desportivo.

António Lemos ajudou a Anglodente a conquitar o título do nacional por equipas, venceu o primeiro adversário e assegurar o passe para os quartos-de-finais.

O campeonato individual conta com a participação de 16 participantes. As outras sete partidas do turno inaugural da prova, que está restringida a jogadores seniores, são de baixa tensão. Elizandro André cruza com José Cateve, Geraldo Macaia enfrenta Osvaldo Rocha, José Domingos defronta Luís Honrado, Valdemar Cassanga recebe Anacleto Cassongo, Domingos Manuel joga com Armando Jony, Alberto Fabiano defronta Milton Fernandes e João Paulo mede forças com José Mayone.