Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angola "A" defronta seleco de Portugal

29 de Julho, 2014

Na classificao, Brasil lidera com quatro pontos, seguido de Portugal (3), Angola A (3) e Angola B (2).

Fotografia: Jos Cola

As selecções de Angola “A” e de Portugal focalizam hoje, a partir das 10h00, no Centro de Alto Rendimento de Angola, as atenções da terceira jornada da fase regular do torneio masculino de ténis de mesa da IX edição dos Jogos desportivos da Comunidade de Países de Língua Portuguesa, que decorre em Luanda até o próximo dia 2 de Agosto.

As duas selecções ganharam a Angola “B” e perderam diante do Brasil. A luta pelo segundo lugar vai exigir esforços complementares. O destino vai colocá-los nas meias-finais seja qual for o resultado. Para a mesma jornada, o Brasil tem a tarefa mais folgada: defronta a selecção “B” de Angola.

Na primeira jornada, Brasil venceu Portugal por 3-0 e Angola “A” bateu a “B” por 3-0. Na segunda jornada, Brasil ganhou a Angola por 3-2 e Portugal venceu Angola “B” por 3-0. Na classificação, Brasil lidera com quatro pontos, seguido de Portugal (3), Angola “A” (3) e Angola “B” (2).

FEMININO
As atenções vão estar direccionadas para a partida que coloca frente a frente as selecções do Brasil e de Angola “A”. O favoritismo recai para as brasileiras. Na outra quadra de jogo vão estar as equipas de Portugal e Angola “B”. As portuguesas têm asseguradas os dois pontos. A prova é liderada pela selecção do Brasil com quatro pontos, seguido de Portugal (3), Angola “A” (3) e Angola “B” (2).
ÁLVARO ALEXANDRE

TÉNIS
Selecção feminina
estreia com derrota

A Selecção Nacional de ténis, sub-16, feminino, foi mal sucedida na estreia do torneio da IX edição dos Jogos da Comunidade de Países de Língua Portuguesa, ao consentir  derrotas diante de Portugal por dois sets a zero em partidas de simples e em pares.  A competição é disputada no courts do Clube de Ténis de Luanda.

Angola volta a entrar em cena hoje, desta vez diante do Brasil. A equipa sul-americana é dotada de argumentos técnicos fortes e  de porte físico excelente. O facto ficou patente na vitória de ontem sobre Moçambique, por dois set a zero, nas três partidas (duas singles e uma de pares), com os parciais de 6-2 e 6-2, no primeiro jogo; 6-1 e 6-2, no segundo e 6-3 e 6-2 na partida de pares.

O encontro entre Moçambique e Portugal está a criar grande expectativa por parte do público que brinda com presença em massa. O nível técnico das portuguesas e a persistência das meninas do Índico ficaram evidenciadas. O juiz arbitro do torneio, Alex Combo, elogiou o espírito de fair- play.
HELDER JEREMIAS

Djokovic e SerenaWilliams
lideram ranking mundial


O sérvio, Novak Djokovic, continua a liderar o Ranking da ATP à frente do espanhol Rafael Nadal e do suíço Roger Federer, numa semana, sem mudanças nos dez primeiros lugares da tabela.
 Na classificação, Djokovic lidera 13.130 pontos, seguido de  Rafael Nadal (ESP) 12.670, Roger Federer (SUI) 6.070, Stanislaw Wawrinka (SUI) 5.770,  Tomas Berdych (RTC) 4.410, David Ferrer (ESP) 4.085, Milos Raonic (CAN) 3.920,
Juan Martín del Potro (ARG) 3.360, Grigor Dimitrov (BUL) 3.270 e Andy Murray (GBR) 3.040.
Em feminino, Serena Williams continua a liderar o ranking da WTA o ranking da WTA, seguida pela chinesa Na Li e pela romena Simona Halep. Na  classificação, Serena Williams (EUA) tem  9.231 pontos, seguida de Na Li (CHN) 6.960, Simona Halep (ROM) 6.785, Petra Kvitova (RTC) 6.070, Agnieszka Radwanska (POL) 5.130, Maria Sharapova (RUS) 4.881, Eugenie Bouchard (CAN) 4.460, Angelique Kerber (ALE) 4.365, Jelena Jankovic (SER) 3.900 e Victoria Azarenka (BLR) 3.812 pontos.

ISNER

O tenista norte-americano, John Isner, primeiro cabeça de série, conquistou  domingo pela segunda vez consecutiva o torneio de Atlanta, nos Estados Unidos, ao derrotar na final o israelita Dudi Sela, por 6-3, 6-4. O “gigante” Isner conseguiu 15 ases e quebrou por duas vezes o serviço ao adversário, celebrou a conquista do título ao final de 71 minutos. Este foi o nono título ATP do norte-americano, 12º do Mundo, enquanto Sela, 94º, chegou pela primeira vez a uma final, quase seis anos depois de ter perdido a final de Pequim em 2008, frente ao retirado Andy Roddick.

No torneio de Umag, na Croácia, a vitória foi para o tenista uruguaio Pablo Cuevas,  depois de derrotar na final o espanhol Tommy Robredo, segundo cabeça de série, por 6-3, 6-4. Depois de há duas semanas ter vencido o seu primeiro torneio ATP, em Bastad, na Suécia, Cuevas, 60º do “ranking”, somou o seu décimo triunfo consecutivo no circuito, surpreendeu o espanhol em 1:29.45. Robredo, 18º do Mundo, parece ter sofrido mais, com o facto, de as meias-finais terem sido jogadas de manhã, depois de  adiadas no sábado devido ao mau tempo.