Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angola admitida na FIA e na FIM

Helder Jeremias - 30 de Dezembro, 2019

Fotografia: Dr

A admissão da Federação Angolana de Desportos Motorizados (FADM) na Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e na Federação Internacional de Motociclismo (FIM) nos dias 2 e 7 do corrente mês constitui o acontecimento mais importante dos desportos motorizados. Em sequência, o Rali angolano vai constar do calendário de competições da FIA.

O sucesso da empreitada angolana teve o génese no Segundo Encontro Nacional sobre Desportos Motorizados realizado a 26 de Março último em Luanda. O evento contou com representantes da FIA e da FIM.

À semelhança de outros desportos, o automobilismo e o motociclismo nacional também sentiram o peso da crise económica. O Campeonato Angolano de Velocidades ficou pautada pela redução substancial do número de provas. As equipas e os pilotos individuais depararam-se com dificuldades para sustentar os gastos, que já se arrastam há três anos.

Diante da realidade, a FADM fez o melhor na criação de bases para um trabalho melhor conseguido nos próximos tempos. A vinda de representantes de dois organismos internacionais, que supervisionam o automobilismo e motociclismo mundial, permitiu tomarem contactos com a realidade dos desportos motorizados em Angola.

No conclave, os associados discutiram com propriedade o trabalho desempenhado pelos angolanos, visando o desenvolvimento desportivo. A forma aberta da apresentação das preocupações deixou os esclarecidos os convidados.

Com a inserção de Angola na FIA e na FIM, o advento vai trazer maior dinamismo ao processo de desenvolvimento dos desportos motorizados e do turismo nacional.