Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angola conquista bronze no Africano

Rosa Napoleo - 15 de Abril, 2019

A medalha foi obtida por Francisco Ngonda, na categoria dos -97 quilogramas.

Fotografia: Mota Ambrsio | Edies Novembro

A Selecção Nacional de Lutas alcançou o terceiro lugar com a medalha de bronze no Campeonato Africano de Luta Grego Romana que decorreu recentemente em Hammamet, Tunísia. A medalha foi obtida por Francisco Ngonda, na categoria dos -97 quilogramas. 

O atleta angolano entrou confiante na competição. No primeiro combate, derrotou Aron Mbo, da República Congo Democrático, por superioridade técnica. No segundo rounde, ficou aquém das expectativas e por ter contraído uma lesão no combate anterior. Diante de Mohamed Gabr, do Egipto, Francisco Ngonda viu-se incapaz de equilibrar o combate e consentiu a  primeira  derrota.Na categoria de -79 quilogramas, Alberto Ngunza competiu na prova de Luta Livre Olímpica e não obteve medalha.

Paralelamente aos combates, o vice-presidente da Federação Angolana de Lutas, António Junqueira, participou do Congresso da União Africana de Lutas. No conclave, apresentou as preocupações que afligem a modalidade no país. O dirigente aproveitou o evento para interagir com representantes de outras federações do continente. 

António Junqueira participou do curso administrativo para dirigentes e da reunião das Federações de Lutas da África Central. Esteve igualmente presente no estágio de treinamento organizado pela União Mundial de Lutas durante duas semanas. O objectivo principal do mini-estágio foi de capacitar e actualizar os técnicos africanos sobre as novas técnicas.Apesar de enfrentar inúmeras dificuldades no capítulo de organização interna e de finanças, Angola esteve presente no Campeonato do Mundo de Luta Livre na Ucrânia em 2018 com Francisco de Deus Kadima " Trovoada ".