Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angola entra hoje em acção

Silva Cacuti - 20 de Setembro, 2015

Na última participação entre as duas equipas Angola logrou os quartos-de-final e ficou na nona posição

Fotografia: Jornal dos Desportos

A Selecção Nacional de sub-20 de hóquei em patins, defronta hoje a partir das 13h00, a selecção dos Estados Unidos, em partida que vai marcar a abertura do Grupo A da fase preliminar do Campeonato do Mundo que se disputa desde ontem em Villanova, Espanha. É o único jogo da fase preliminar em que a equipa angolana sobe à pista do Pavilhão Isaac Galvez com algum favoritismo.

Na última participação entre ambas as equipas, Angola logrou os quartos-de-final e acabou na nona posição, enquanto os americanos ficaram em décimo lugar. Aliás, desde que Angola participa nos mundiais de sub-20, obteve sempre classificação acima dos americanos.

O mesmo não se pode dizer da Suíça, adversário da segunda jornada, amanhã, que não esteve no mundial de 2013, mas em 2011 esteve em oitavo lugar, acima de Angola que obteve o nono lugar. A Suíça tem tradição na modalidade, razão pela qual adivinha-se um jogo mais difícil para a equipa angolana, que é comandada por Nuno Resende.

Mais ainda, porque vai ser o jogo que  vai decidir, qual das duas equipas acompanha Portugal nos quartos -de -final. Portugal, campeão mundial, é o favorito do grupo e joga com Angola na terça-feira.

Em recentes declarações ao Jornal dos Desportos, Pedro Azevedo vice-presidente da Federação Angolana de Patinagem disse que a equipa americana era, “um adversário que está ao alcance do conjunto angolano”.

“Conhecemos bem o adversário,  é uma equipa ao nosso alcance. Vamos ter outro jogo de risco, diante da Suíça que deverá definir a nossa passagem à outra fase. Temos como objectivo melhorar ou manter o oitavo lugar conseguido na edição passada”, augurou.

A Selecção Nacional cumpriu um estágio de oito dias, em Portugal, no âmbito da sua preparação para o mundial e está desde quinta-feira em Villanova. A organização do campeonato mundial decidiu abrir as portas, na fase preliminar da prova e cobrar preços módicos, nos jogos dos quartos de final em diante.