Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angola fracassa em Madagáscar

Rosa Napole?o - 19 de Abril, 2017

O fracasso da Selecção Nacional é justificado por Yuri Paim, técnico principal.

Fotografia: Jornal dos Desportos

Uma medalha de bronze é o saldo da Selecção Nacional sénior de judo no Campeonato Africano que terminou recentemente em Madagáscar. O mérito de Diassonama Neide registou-se na categoria de -63kg.O conjunto angolano conseguiu ainda chegar às meias-finais com Casimiro Bento na categoria de -100 kg. Um erro táctico ditou o afastamento da final.

Na competição por equipa, Angola ficou em quinto lugar. O fracasso da Selecção Nacional é justificado por Yuri Paim, técnico principal.\"Estamos desanimados com o resultado. A meta definida era superar a classificação anterior masculina. Falhámos os objectivos.Infelizmente, deixámos alguns atletas alistados para a competição por indisponibilidade financeira. Dário Dala, Acácio Cassule e Pedro Hebo desfalcaram o grupo\", disse.

Yuri Paim, que também não viajou para o palco do Africano pelas mesmas razões, disse que o número reduzido de atletas contribuiu para o fracasso na prova por equipas. Os patrocinadores disponibilizaram o dinheiro \"fora do tempo real da competição\", ou seja, \"muito tarde\".Estiveram presentes em Madagáscar, Nayr Garcia (-66kg), Casimiro Bento (-100kg), Diassonama Neide (-46kg), António Vunge (-73kg), Marisa dos Santos (-46kg) e Andreza António (-52kg), sob o comando do técnico Alexandre Martins.

Refeitos do desaire, Yuri Paim garantiu que o grupo começa a preparar na próxima semana a participação no Campeonato Africano de Juniores a decorrer em Maio em Marrocos. A experiência de Madagáscar serve de base de treinos para corrigir as debilidades.
Recorda-se que o judo angolano conquistou 13 medalhas nos Jogos da Zona V realizado recentemente em Luanda.