Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angola vence Chile nas classificativas

Silva Cacuti - 13 de Julho, 2019

Seleco Nacional procura o quinto lugar

Fotografia: Jos Cola | Edies Novembro

A selecção nacional mantém-se na luta pelo quinto lugar mundial , graças à vitória de ontem, 7-4, sobre o Chile, em partida que abriu a eliminatória do quinto ao oitavo lugar. O resultado foi consolidado no prolongamento, após empate a quatro golos ao cabo do tempo regulamentar.
João Pinto, duas vezes e Martin Payero sentenciaram o jogo no prolongamento, onde o Chile não marcou.
Fernando Fallé saiu com o núcleo duro,  Veludo à baliza, Centeno, Big, Mustangs e Nery. Depois de terem feito o primeiro jogo sem marcar qualquer golo, diante da Argentina, para os quartos de final, os angolanos  voltaram a Vilanova i Lá Geltru, com ganas nem deixaram os chilenos entrar no jogo. Logo ao segundo minuto de jogo André Centeno desferido um remate a curta distância que apanhou O guarda-redes Rodrigo Rodriguez desprevenido, sem hipóteses.
Aliás, o keeper chileno parecia estar ainda a comparar o pavilhão em que estava, com a sumptuosidade do Palau Balgrana, casa do Barcelona, onde teve a rara oportunidade de jogar nos quartos-de-final, quando viu a bola visitar as redes de sua baliza.
Logo percebeu que o jogo já tinha começado.
Com o regresso dos adversários ao jogo, este ganhou emotividade. Foi jogado quase sem assistência, mas teve recortes de bom espectáculo. Também não teve áurea de um jogo de mundial, quase abandonado pela organização, que nem sequer o pessoal para secar o piso providenciou.
O equilíbrio foi chamado ao jogo e é já sob sua vigência, ao minuto 20, que  Nery, depois de desfazer-se de dois opositores apareceu em condição privilegiada, à frente da baliza chilena e dilatou o marcador.
Dois minutos depois, Carmona marcou para o Chile e fez o resultado ao intervalo.
A toada de equilíbrio continuou no reatar do jogo. Aos 32 minutos Carmona volta a marcar e oferece aos colegas a alegria de um empate de pouca duração, porque Martin Payero marcou na jogada seguinte.
O internacional angolano voltou a marcar, aos 42 minutos, numa jogada com recortes técnicos apurados, com Mustang, mas a resposta Chilena não tardou. No minuto seguinte e quase com o mesmo brilhantismo, o capitão chileno N. Fernandez marcou, para reduzir a diferença de golos. Segundos antes de soar o apito final, Figa, com dose de sorte fez um remate que Veludo foi incapaz de defender e retardou, com o empate, o descanso do conjunto angolano,muque teve que se viu obrigado a decidir as coisas no prolongamento.


FICHA TÉCNICA

ANGOLA: 1- F. Veludo, 2-A. Centeno (c) 3- A. Diogo \"Pi\", 4- A. Agostinho \"Tino Boy\", 5- A. Silva \"Nery\", 6- J. Tavares \"Zidane\", 8- H. Mendes \"Big\", 9- J. Pinto \"Mustang\" e 10- F. Veludo.

TREINADOR:
 FernandoFallé


CHILE: 1- R. Rodriguez, 2- A.Osório, 3- A.Vera, 4- F. Marquez, 5- F. Castro, 6- M. Figa, 7- A.Quintanilha, 8- N. Fernandez (c), 9- N. Carmona e 10- F. Quintanilha

TREINADOR:
Josep Barbera


CAMPO: Pavilhão Isaac Galvez de Vilanova i lá Geltru

ÁRBITROS : José Pinto e João Duarte (Portugal)

GOLOS: A. Centeno, Nery, N.Carmona (2), Payero (3), N.Fernandez, M. Figa, Mustang (2)