Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angolanos brilham em Espanha

Paulo Caculo - 09 de Dezembro, 2013

Falta de perspicácia nas rectas finais das partidas ditou o afastamento dos atletas angolanos dos lugares cimeiros do torneio

Fotografia: AFP

Os atletas da equipa Polivalente Aldanuel, Celso Baltazar, na classe B, e Jesus Pimentel, na classe A, foram os angolanos mais bem classificados na 12ª edição do Torneio Internacional de Xadrez Grande Hotel Bali, que terminou no sábado, em Benidorm – região de Alicante, no sul de Espanha.
Celso Baltazar somou sete pontos em dez possíveis e classificou-se na quarta posição da tabela geral, enquanto Jesus Pimentel classificou-se em sétimo lugar com cinco pontos.

Em entrevista ao Jornal dos Desportos, Celso Baltazar disse que esperava ter um desempenho melhor, mas não teve sorte noutras partidas. O terceiro lugar era o objectivo traçado para a classe B, uma competição destinada aos atletas que têm no máximo dois mil pontos no ranking da FIDE. Quanto à participação de outros angolanos na classe B, o colega de equipa Gudlack Constantino posicionou-se no grupo dos sétimos classificados, com cinco pontos e meio; João Amaral, do 1º de Agosto, ficou no grupo dos oitavos com quatro pontos.

Na última partida, Celso Baltazar jogou com peças brancas e empatou com Ivan Perez, de Espanha, em 37 lances. O angolano começou com abertura inglesa por inversão de movimentos. Gudlack Constantino jogou com peças pretas e perdeu com Luís Gutierrez, de Espanha, com uma Abertura Bird em 49 movimentos; João Amaral jogou com peças brancas e venceu Enriques Pascual, de Espanha, em 35 lances com uma Defesa Índia de Rei variante fechada. A classe B foi vencida pelo italiano Francesco Rizza com oito pontos e meio.

CLASSE A

Na classe A, prova destinada a jogadores com máximo de 2.300 pontos no ranking da FIDE, Jesus Pimentel considerou o nível competitivo do torneio “bastante alto”. Quanto aos outros angolanos, Cambando José, do Polivalente Aldanuel; João Júlio, do Núcleo de Viana; e Sérgio Miguel, Candidato a Mestre do 1º de Agosto, ficaram na lista de oitavos classificados com quatro pontos e meio cada, enquanto Eliseu Tavares ficou na lista de nonos classificados com quatro pontos. 

Na última jornada, Jesus Pimentel jogou com peças brancas e empatou com Mestre FIDE de Espanha, Francisco Montoliu, numa defesa Índia de Dama em 19 lances; Cambando José jogou com peças brancas e perdeu com Jorge Fernandez, de Espanha, com uma Defesa Siciliana variante dragão, em 45 lances; João Júlio jogou com peças brancas e empatou com Ireneusz Lada, da Polónia, com uma Defesa Caro Khan, em 56 movimentos; Eliseu Tavares jogou com peças pretas e empatou com Carlos Rodrigues, de Espanha, com uma Abertura Italiana, em 47 lances; Sérgio Miguel jogou com peças brancas e empatou com Armin Frey, da Áustria, com uma Defesa Francesa, em 47 lances. O torneio da classe A foi conquistado por Mikhail Kultiyasov, da Bielorrússia, com oito pontos.