Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angolanos chumbam nos exames

Silva Cacuti - 16 de Setembro, 2014

Só dois árbitros angolanos é que podem vestir as insígnias da Confederação Africana

Fotografia: Jornal dos Desportos

Angola passa a contar com apenas uma dupla de árbitros de categoria continental depois de concluído o processo de formação e passagem de categoria da Confederação Africana de Andebol (Cahb), em que o país inscreveu duas duplas candidatas. Hélvio Gomes e Pedro Pinto são os árbitros angolanos que conseguiram alcançar as insígnias da instituição africana.

Escurinho António (luandense) e Tomás Chitangui (benguelense) não tiveram sucesso na tentativa de ingressarem nos quadros da arbitragem africana. Os árbitros angolanos participaram no estágio de ascensão de categoria realizado pela Cahb em Lomé, Togo, de 10 a 17 de Agosto. Antes, de 5 a 11 de Maio, com vista a participação no estágio de ascensão de categoria da Cahb, a Federação Angolana de Andebol (Faand) promoveu uma acção formativa, em que participaram sete duplas. Laurent Kuete, presidente da comissão de arbitragem da Cahb foi o prelector da acção formativa, que abordou os aspectos que acabaram também por ser matérias de avaliação no exame de ascensão de categoria, na capital togolesa.

Os árbitros Pedro Pinto e Hélvio Gomes podem estrear-se já na Taça dos Clubes campeões cuja disputa de 8 a 19 de Outubro em Tunis, Tunísia.  Angola vai ser representado  três equipas femininas, 1º de Agosto (campeão nacional), Petro de Luanda e Progresso  Sambizanga.A última dupla internacional angolana era constituída pelos internacionais Domingos Nascimento e Francisco Luzendo e deixou de actuar nos Jogos Panafricanos de Maputo, em 2011.
S.C