Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angolanos fazem história na Supertaça Babacar Fall

Silva Cacuti - 05 de Maio, 2015

É a primeira vez no historial da prova que equipas do mesmo país se defrontam para a decisão do título

Fotografia: Kindala Manuel

Equipas angolanas do Petro de Luanda e do 1º de Agosto  vão fazer história ao disputarem entre si o título da 22ª edição da Supertaça Africana Babacar Fall, agendada para 14 do corrente, em Libreville, Gabão.

É a primeira vez no historial da prova que equipas do mesmo país se defrontam para a decisão do título.O Petro de Luanda entra na prova na condição de vencedor da Taça das Taças e detentor do troféu, enquanto as militares estreiam-se na competição, depois de em 2014 terem conseguido o seu primeiro título continental de clubes, quando venceram a Taça dos Campeões.

O Petro de Luanda busca a sua 20ª conquista em outras tantas participações. É uma equipa invicta nesta competição, a maior ganhadora de sempre. O 1º de Agosto tenta ser a quarta equipa a conseguir erguer o troféu, depois do Etoile do Congo (1995) e África Sports da Costa do Marfim (1997).

Desde então o Petro de Luanda, que já tinha vencido a primeira edição (1994) e em 1996, venceu todas as edições.Na classe masculina também vai se registar pela primeira vez confronto entre equipas do mesmo país, já que em Libreville estarão frente a frente as equipas tunisinas do Sperance Sportiv e do Clube Africain. O Esperance, detentor do título vai tentar a sua segunda vitória.

Nesta prova as equipas argelinas são as mais felizes, com um total de 9 vitórias em 11 finais. As equipas egípcias têm quatro vitórias em oito finais, enquanto a Tunísia ostenta duas vitórias em cinco finais jogadas pelas suas equipas.

A supertaça Babacar Fall é uma homenagem ao primeiro presidente da Confederação Africana de Andebol.

 Pedro Godinho coordena prova

O presidente da Federação Angolana de Andebol, Pedro Godinho, foi designado para a comissão do homologação do 31º campeonato de África dos clubes vencedores das taças em andebol, a disputar-se no Gabão de 15 a 24 deste mês.

A nomeação do dirigente desportivo angolano consta de uma nota oficial da Confederação Africana de andebol (CAHB), a que a Angop teve hoje acesso e assinada pelo secretário geral, Charles Ombouhamou.Pedro Godinho é actualmente o presidente Comité Organizador de Competições da CAHB.