Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angolanos mostram valor na Arbia Saudita

Silva Cacuti - 23 de Fevereiro, 2019

O jogador recebeu uma oferta do Dnamo de Bucareste.

Fotografia: Jornal dos Desportos

Depois das exuberantes prestações no último Campeonato Mundial de seniores, os andebolistas angolanos continuam a granjear prestígio e a receber convites para actuar, em campeonatos mais competitivos. Adelino Pestana \"Moreno\", jogador do Interclube, foi convidado pelo Al-Khaleej FC da Arábia Saudita, da província de Saihat. Nesta equipa,  Amarelo vai ser colega de Declerk Sibo, jogador do 1º de Agosto.
O Al-Khaleej, também denominado \"Al Danah\", fundado em 1945, é o segundo classificado da liga daquele país.
Esta, não é a primeira experiência nem para Amarelo, nem para Declerk, fora do andebol angolano. Amarelo já representou o FC do Porto, de Portugal, ao passo que Sibo também já esteve em Portugal, a jogar pelo Belenenses.
Por seu turno, Romé Hebo, jogador do 1º de Agosto, também rumou para a Arábia Saudita, na cidade de Al Qudaih, onde vai representar a equipa do Mudhar, campeão daquele país. Ao que consta, é a primeira vez que Hebo, formado no 1º de Agosto, representa algum emblema fora do país.
Depois do campeonato mundial, o jogador recebeu uma oferta do Dínamo de Bucareste, da Roménia, mas a transferência não se concretizou.
Todos assinaram por três meses, tempo para disputar a liga saudita, a semi-final da copa árabe e disputar o apuramento para a liga dos campeões.
Curiosamente, ontem à noite, as duas equipas defrontaram-se e lançaram em campo os angolanos. A nossa reportagem não apurou o desfecho da partida.
Se corresponder às expectativas, explicou uma fonte próxima dos atletas, podem vir a alargar mais tempo, os vínculos com os clubes árabes. A época desportiva do andebol angolano foi aberta a 16 do corrente, em Malanje, com a disputa da Supertaça Francisco de Almeida.