Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angolanos regressam à ribalta

Melo Clemente - 31 de Dezembro, 2016

Os atletas da selecção nacional de basquetebol sub-18 campeã Africana do Afrobasket 2016

Fotografia: M.Machangongo

Sob liderança do técnico angolano, Manuel Silva "Gi", coadjuvado por Miguel Timóteo Pontes Lutonda, a Selecção Nacional de basquetebol masculino de sub-18, chegou, viu e venceu em Kigali, Rwanda, mais um título africano a nível dos escalões de formação.

Com a direcção da Federação Angolana de Basquetebol (FAB), encabeçada por Paulo Alexandre Madeira, a proporcionar as melhores condições de trabalho aos técnicos, o seleccionador nacional  conseguiu materializar o objectivo que passava pela conquista do Afrobasket e, consequentemente, o apuramento à fase final do Campeonato do Mundo de sub-19, competição a decorrer no Egipto.

 Sílvio Sousa e Bruno Fernando, dois jovens que tinha sido campeões africanos de sub-16, em 2013, foram os principais obreiros da conquista do Afrobasket em sub-18, sem desprimor aos demais atletas.

 Ambos a militarem em universidades norte-americanas, Bruno Fernando e Sílvio Sousa foram sem sombras de dúvidas as mais valias do combinado nacional. Aliás, o facto de terem feito parte do cinco ideal do Campeonato Africano das Nações de Kigali, atesta perfeitamente o potencial dos jovens jogadores.

Em face das suas qualidades, Bruno Fernando e Sílvio Sousa acabaram por integrar a Selecção Nacional sénior que disputou o torneio pré-olímpico de Belgrado, Sérvia, sob comando do técnico angolano, Carlos António Dinis.