Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Armstrong volta a ser condenado

18 de Fevereiro, 2015

evereiro: o painel de arbitragem entretanto criado julgou a seu favor, ressarcindo-a de todo o investimento no ciclista

Fotografia: AFP

O ex-ciclista norte-americano Lance Armstrong foi esta segunda-feira condenado a pagar cerca de nove milhões de euros à SCA Promotions Inc, que lhe deu uma bonificação de patrocínio de 4,5 milhões após vencer o "Tour" em 2004.

A decisão foi tomada por um painel de arbitragem de três juízes, tendo dois votado a favor da empresa texana, bem como dos ex-proprietários da equipa US Postal Service, a Tailwind Sports, formação pela qual competia, também lesada no escândalo de doping do ciclista.


A SCA Promotions Inc esteve dois anos em tribunal para anular o pagamento da bonificação, acção movida logo após saber das acusações de doping que apareceram no livro "LA Confidentiel" Em 2006, as partes chegaram a acordo extrajudicial, com o ciclista a pagar a soma do apoio inicial de 4,5 milhões, mais cerca de dois milhões em custas legais.

Quando, em 2012, Armstrong foi banido do desporto e despojado dos sete triunfos no "Tour" de França devido a "doping", que assumiu no ano seguinte, a SCA Promotions Inc tentou reabrir o caso, conseguindo-o em Fevereiro: o painel de arbitragem entretanto criado julgou a seu favor, ressarcindo-a de todo o investimento no ciclista