Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Associação da Lunda Norte reabilita campos do Dundo

Hélder Jeremias - 09 de Janeiro, 2014

Piso do ‘court’ do Dundo vai receber camada de betão para facilitar a aprendizagem dos grupos de formação daquela cidade

Fotografia: Jornal dos Desportos


Os atletas da Lunda Norte vão contar com melhores condições para a prática do ténis, a partir da reabilitação da quadra do Dundo levada a cabo pela Associação, com o apoio de uma empresa local. De acordo com o secretário-geral da associação provincial, Carlos Capitango a conclusão das obras está prevista para finais de Fevereiro deste ano. O campo de piso rápido vai receber uma camada de betão, para facilitar o aprendizado das técnicas elementares por parte dos escalões de formação.

Carlos Capitango louvou a iniciativa da empresa de juntar-se aos esforços da associação provincial em prol do desenvolvimento da modalidade na província que, segundo refere, “representa um dos maiores pólos de massificação do ténis”, pelo que desejou à empreiteira bom trabalho dentro do tempo estabelecido. De acordo com Carlos Capitango o ano transacto foi positivo porque conheceu nova dinâmica, imprimida pelo actual elenco da Federação Angolana de Ténis, liderada por Matias Castro da Silva.

O secretário-geral da associação referiu que a distribuição de material desportivo a todas as localidades e a realização dos campeonatos nacionais de sub-12, 14 e 17, em ambos os sexos, na província de Benguela foram algumas notas de realce do elenco de Matias Castro da Silva. Carlos Capitango acredita que o ano que ora inicia deve ser mais produtivo, mas apela a todos os dirigentes da modalidade a unir esforços para que o país possa ter forte expressão nas competição regionais e elevar a sua competitividade.

“A nível da nossa província trabalhamos com empresas que garantem a sobrevivência da modalidade, tanto assim é que a reabilitação do campo vem reforçar o nosso optimismo quanto ao futuro que se espera promissor”, disse, Carlos Capitango.