Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Atiradores em Benguela para a Taça de Angola

13 de Outubro, 2017

Julieta Gabriela Andrade e Janaina Andrade, têm sido uma constante de algum tempo esta parte, mas espera-se pela sua participação na derradeira etapa do Nacional.

Fotografia: ARIMATEA BAPTISTA | Edições Novembro

Os atiradores afectos aos Clubes da Força Aérea Nacional, 1º de Agosto e Interclube deixam esta manhã a capital do país com destino a província de Benguela, palco da disputa da Taça de Angola e pontuável para a oitava contagem do Campeonato Nacional de Fosso Olímpico, que as pranchas do Clube de Tiro Caça e Pescas de Benguela acolhem até domingo à tarde.
Denominado Grande Prémio Cidade de Benguela, a prova consta de um leque diversificado de actividades desportivas e culturais no âmbito das festas da cidade, tendo como data prévia o mês de Setembro, mas teve de ser remarcada em função das alterações que a Federação Angolana de Tiro se viu obrigada a proceder na segunda etapa do calendário devido a realização das eleições gerais de 23 de Agosto.
Depois da organização ter efectuado a afinação dos equipamentos do campo de tiro inaugurado em Maio transacto, os homens das espingardas residentes  na cidade do Lubango, Luanda, Cuanza Sul, Malange, Huambo e da província anfitriã, juntam-se a partir das 10h00 de hoje, nas pranchas em terras de Ombaka para a realização da sessão de treinos livres, de moda a abrir perspectivas para excelentes índices produtivos amanhã e domingo.
A direcção da Federação Angolana de Tiro esmerou-se nos trâmites para que o necessário número de pratos e cartuchos fosse enviado para Benguela em tempo útil, tendo em conta que o processo de emissão de petições por parte da Polícia Nacional deve obedecer normas específicas, segundo informou o seu secretário-geral, Humberto Jorge Andrade.
O campeão nacional em título, Paulo Guga, está confiante na conquista de mais um troféu, depois do triunfo obtido na sétima contagem do nacional, com palco em Benguela, em que teve como directos seguidores os seus colegas de equipa (1º de Agosto), Emerson Gomes, Paulo Silva e Jorge Perestrelo.
A liderar a tabela classificativa, com 136 ponto, o atleta residente no Lubango tem a noção de que a revalidação do título nacional está mais próxima desde que mantenha os mínimos com que se tem pautado desde o início da época, pois , em caso de vacilo, Emerson Gomes, 125 pontos e Jorge Perestrelo, 112, podem virar o resultado a seu favor, quando faltam apenas três jornadas para o fim da época 2017.
Atiradores como Hírio Baião, Paulo Alves, Ricardo Lopes e Jidson Simões também são tidos em conta, por serem dotados de grande técnica, não obstante apresentarem oscilação nos níveis de precisão, pelo que o desfecho da prova é de difícil antevisão, na qual ainda  estarão em evidência nomes como os Francisco Gastão,  Artur Anastácio,  Tiago Silva, Gercy Silva, Ruca Mendonça, Yuri Santos, num universo de cerca de 34 atiradores.
A ausência do género feminino, tais como a atleta ao serviço do Interclube, Alice Bernardo, as atiradoras do 1º de Agosto Érica Andrade, Julieta  Gabriela Andrade e Janaina Andrade, têm sido uma constante de algum tempo esta parte, mas espera-se pela sua participação na derradeira etapa do Nacional.
HJ