Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Atletas do Kuando-Kubango correm Africanos da Nigria

Silva Cacuti - 16 de Março, 2013

A provncia do progresso volta a inscrever atletas nas seleces nacionais

Fotografia: Kindala Manuel

A inclusão de dois corredores do núcleo de atletismo do Kuando-Kubango é o destaque da convocatória da Selecção Nacional de atletismo para o Campeonato Africano de juvenis, que se disputa de 28 do corrente a 2 de Abril, na Nigéria. Esperança Elavoko e Adelino Chissombi notabilizaram-se durante a disputa do Campeonato Nacional de corta-mato, na cidade do Huambo, e mereceram a confiança da Federação Angolana de Atletismo para representar as cores nacionais. Esperança vai correr nos 300 metros e vai integrar a selecção de juvenis femininos com Alice Ventura, do Clube Naval do Namibe, que vai correr a prova dos 100 metros.

Em masculinos, Moisés Pedro, do 1º de Agosto, vai correr os 200 metros, ao passo que Adelino Chitombi participa na prova de 1500 metros. “Para nós, é uma surpresa que atletas do Kuando-Kubango tenham apresentado marcas muito boas nos campeonatos nacionais e é revelador de que a província pode ser um viveiro, sobretudo para atletas de fundo”, disse Mota Gomes, secretário-geral da Federação Angolana de Atletismo. Segundo outra fonte federativa, as performances alcançadas pelos atletas do núcleo do Kuando-Kubango na prova do Huambo pode levar o presidente da Federação Angolana de Atletismo, Carlos Rosa, a efectuar uma visita de constatação ao núcleo do Kuando-Kubango e mobilizar apoios e a atenção do Governo Provincial. Com a convocatória dos corredores do núcleo do Kuando-Kubango, a província põe fim a mais de 15 anos de ausência das convocatórias para as selecções nacionais.

PROVA DE ESTAFETA
JUNTA FUNDISTAS

Um total de nove equipas, em representação de cinco províncias disputam hoje o Campeonato Nacional de estafetas de estrada, na cidade do Namibe, disse ao Jornal dos Desportos de Mota Gomes, secretário-geral da Federação Angolana de Atletismo (FAA).
O executivo da federação revelou que está tudo preparado para o sucesso da prova, que vai percorrer as principais artérias daquela cidade. “Temos todos os pormenores assegurados. Enviámos ao Namibe o director técnico da Federação, Augusto Severiano, que na companhia de um vogal da área técnica, trabalhou junto da Associação local para assegurar todas as questões técnicas”, disse.

Está confirmada a participação de equipas das províncias de Luanda, Namibe, Huíla, Huambo, Kwanza-Sul e Kuando-Kubango. O Campeonato Nacional de estafeta disputa-se nas categorias de juniores e de seniores masculinos. A edição de 2012 disputou-se em Porto Amboim, Kwanza-Sul, e foi dominada, em juniores, pela equipa do Porto Amboim, e, em seniores, pelo Interclube. Na semana passada, foi disputado o Campeonato Nacional de corta-mato, na cidade do Huambo, e a 30 do corrente, a Federação prevê fazer disputar, na cidade do Lubango, Huíla, o Campeonato Nacional de estrada.


Calor de Tel Aviv
mata maratonista

Um dos participantes da meia-maratona de Tel Aviv, disputada ontem, morreu e outros 12 estão em situação grave em consequência de calor, informaram os serviços de emergência de Israel. A fonte dos serviços de emergência Magen David Adom disse que o participante morto tinha 29 anos e os atletas hospitalizados ressentiram-se da elevada temperatura que tem provocado grave desidratação. O termómetro atingiu 30 graus no momento da prova, num dia com previsão de até 36 graus. Os organizadores decidiram, na quarta-feira, cancelar a maratona devido à onda de calor no país, mas confirmaram a meia-maratona e a corrida de 10 km, antecipando o horário da largada. A principal prova deve ser realizada na sexta-feira da próxima semana.


ORDEM DE DESPEJO

“Sogros” de Pistorius
correm sério riscos


Os pais de Reeva Steenkamp, modelo sul-africana morta a tiros pelo namorado, o atleta paralímpico Oscar Pistorius, correm risco de ser despejados de casa por falta de pagamento. As informações são do jornal “Daily Star”. Segundo a publicação, o casal June e Barry Steenkamp era dependente financeiramente da filha e enfrenta problemas para pagar as despesas desde o assassinato desta. Eles receberam uma ordem de despejo esta semana para deixar a residência em que vivem em Port Elizabeth. O pai, de 69 anos, que sustentava a família antes do sucesso de Reeva, aposentou-se após um acidente de trabalho. Segundo a mãe, de 66 anos, a TV a cabo da casa foi cortada no mesmo dia em que a modelo foi assassinada. Pistorius também alega enfrentar problemas financeiros após perder patrocínios depois do crime. O atleta, que espera julgamento em liberdade após o pagamento de uma fiança, tenta vender a mansão em Pretória onde matou a namorada.

AMA pede sacos de sangue de Fuentes
A Agência Mundial Antidoping (AMA) reiterou ontem o pedido para recuperar os sacos de sangue confiscados ao médico Eufemiano Fuentes, para os investigar, no quadro do caso de dopagem Puerto. “Os sacos de sangue devem ser entregues à AMA ou a uma organização nacional competente, para se saber a quem pertencem”, disse um advogado na AMA durante o processo contra Fuentes, que está a decorrer em Madrid. Fuentes está acusado de ter colocado em perigo a saúde pública, ao fazer transfusões de sangue a vários ciclistas do mais alto nível, mas poucos dos seus clientes chegaram a ser conhecidos.