Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Aumenta o nmero de praticantes na Hula

Gaudncia Hamelay- Lubango - 25 de Abril, 2014

Praticantes de ginstica aerbica aumenta na Hula

Fotografia: Jornal dos Desportos

O nmero de praticantes de ginstica aerbica cresce consideravelmente na provncia da Hula na procura da melhor condio fsica geral e de harmonia entre a sade do corpo e da mente.

Aguiar Jacob, professor de educao fsica e coordenador do projecto denominado Pela sua Sade, mexa-se da empresa Sistec em parceria com o Ministrio da Sade, explicou que comeou-se com um grupo de 15 praticantes e volvido um ms o nmero aumentou para mais de 50 praticantes. O dirigente salientou que semanalmente recebe no ginsio do Sporting Clube do Lubango totalmente reabilitado dois  a  quatro praticantes vidos de praticar ginstica aerbica.

Disse que as sesses de treino decorrem trs vezes por semana (segunda, quarta e sexta-feira) das 18h30m as 20h00 com a durao de uma hora e meia. Aguiar Jacob acrescentou que maior parte dos  praticantes que acorrem ao ginsio da classe feminina.Justificou que a classe feminina a que mais adere a ginstica aerbica pelo facto do sexo masculino ser reservado e terem a cultura de que esse tipo de desporto destinado as mulheres.

Por isso, precisamos de trabalhar bastante na mentalidade e mobilizar os nossos companheiros para que venham a participar. nosso objectivo termos a famlia (pai, me, filhos, avs, netos e sobrinhos) a fazer exerccios fsicos para o bem da sade, garantiu.

O professor de educao fsica  destacou ser o  propsito da promoo da  ginstica aerbica no seio da populao o combate  s doenas de comportamento que afectam e infectam a todos sobretudo a obesidade, diabetes, problemas cardiovasculares, dores na coluna, ndice de gordura no sangue, entre outras.

Aguiar Jacob afirmou que tudo isso, resulta da falta da actividade fsica por parte de toda populao. Admitiu que quem pratica exerccios fsicos tem chances de maior socializao, melhora a coordenao motora, as funes cardiovasculares, diminui os riscos de enfartos e ajuda no controlo da presso arterial.

 A actividade aerbica pode ser feita num ncleo desportivo, ginsio, numa academia, e em casa. Dai que, esperamos que todos venham participar.

Por isso, deixamos um repto a classe masculina a fazer parte da ginstica aerbica porque todos precisam de exercitar para termos longevidade de vida, referiu.

Aguiar Jacob esclareceu que alm das pessoas aderirem  aos treinos noite no ginsio do Sporting Clube do Lubango quinzenalmente so realizadas sesses de ginstica aerbica pela empresa Sistec nesta cidade do Lubango e em algumas provncias do pas para contribuir para o  bem-estar da sade da populao angolana.