Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Austin declara a emergncia

09 de Março, 2020

Fotografia: DR

Depois de lançar o calendário de 2020 revisado, a MotoGP pode estar próximo de tomar mais um golpe. O Circuito das Américas, originalmente marcado para sediar a terceira etapa da época, foi alçado à vaga de primeira prova do ano, após o cancelamento do Qatar e o adiamento da Tailândia.
Na última sexta, o prefeito da cidade de Austin, Steve Adler, junto com a Juíza Sarah Eckhard, do Condado de Travis, onde fica o circuito, declararam \"um estado de desastre local\" devido à ameaça do coronavírus.
Isso significa que a cidade vai suspender qualquer evento com um público esperado de mais de 2.500 pessoas, a não ser que os organizadores do evento sejam capazes de provar ao Departamento de Saúde Pública que serão tomadas medidas apropriadas no local para conter a disseminação da doença.
Como parte do anúncio, Adler também confirmou o cancelamento de um dos principais festivais dos Estados Unidos que acontece em Austin, o South by Southwest (SXSW), que começaria no dia 13 do corrente. Há pelo menos 17 casos de coronavírus confirmados no Texas, mas nenhum ainda em Austin, de acordo com a imprensa local.
Após a divulgação do calendário revisado da MotoGP, Carmelo Ezpeleta, CEO da Dorna, dona da categoria, afirmou que, caso seja impossível para que o circuito de Austin receba a etapa, a época iniciaria em 19 de Abril, no Autódromo de Termas de Rio Hondo, na Argentina.