Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Bagagem repleta de medalhas

Rosa Napoleão - 03 de Janeiro, 2015

Bagagem repleta de medalhas

Fotografia: Jornal dos Desportos

O karaté angolano viu a recompensa na competição regional da África Austral, que decorreu nas terras de Sam Nujoma. As selecções nacionais do estilo Shotokan regressaram com um total de 12 medalhas, oito de ouro, três de prata e uma de bronze.

Os protagonistas do sucesso levaram Angola ao terceiro lugar da prova organizada pela Associação Japonesa de Karaté (JKA, sigla em inglês), atrás da África do Sul e da Namíbia e à frente de Moçambique e de Botswana.

O grupo foi composto por Fernando Muando (ouro, em kumite), Carlos Makiesse, Adilson Patrício (prata), Aldrovandi Vandi (bronze) e Aline Liuanihica (ouro e prata). Marcos Isaac, Teodoro Almeida e Vanderson da Piedade obtiveram duas medalhas de ouro cada. Piedade aumentou o pecúlio com uma medalha de prata.

Perante as inúmeras dificuldades, a Federação cumpriu o calendário de actividades a 100 por cento. Pela primeira vez, o campeonato nacional reuniu representantes das 18 províncias do país, na cidade do Uíge.

No capítulo de formação, a Federação promoveu três estágios competitivos para atletas, instrutores, juízes e examinadores com apoio da JKA Angola. O primeiro (April Gasshuku) ocorreu no Japão, na cidade de Tóquio, de 5 a 13 de Abril, e contou com a participação de 14 angolanos. Depois seguiu-se o Autumn Gasshuku, no mesmo país e terminou com Estágio Regional de Karaté, em Luanda.

No último estágio, foram graduados atletas do primeiro ao quarto DAN e a requalificação de alguns técnicos angolanos, cuja cerimónia decorreu no Centro Cultural Paz Flor perante instrutores e examinadores do Hombu Dojo, do Japão, Senseis Seizo Izumiya (sétimo Dan) e Koichiro Okuma (sexto Dan).