Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Benevenito valoriza cooperação

08 de Dezembro, 2014

Vice-Almirante Benevenito Vaz é o primeiro presidente de direcção do Clube Desportivo da Marinha de Guerra Angolana

Fotografia: AFP

Os protocolos de cooperação com outras entidades desportivas vão dominar o mandato do vice-almirante Benevenito Sebastião Vaz à frente do Clube Desportivo da Marinha de Guerra Angolana (CDMGA) para o quadriénio 2014-2018. O anúncio foi feito no último sábado, após a tomada de posse como presidente de direcção do mais novo clube de Luanda.

O vice-almirante pretende tornar a colectividade da Marinha de Guerra Angolana forte, coesa e competitiva em todas as participações nas provas nacionais e estrangeiras. O 1º de Agosto é o principal clube que goza de prioridade na relação institucional. Aliás, é o mentor da criação da equipa satélite em Luanda.

Para transformar o CDMGA “num baluarte firme na defesa nacional”, o vice-almirante Benevenito Vaz vai alargar a prática desportiva a todas as unidades, formar dirigentes e técnicos em colaboração com as associações e federações desportivas e interceder junto do Comando do ramo a fim de recuperar as infra-estruturas desportivas em todas as unidades.

O recrutamento de atletas consta da estratégia de trabalho da direcção do vice-almirante Benevenito Vaz, que prometeu igualmente ajudar os jovens das localidades onde haja unidades militares da Marinha de Guerra Angolana e a dinamizar o desporto feminino e de formação. A lista concorrente foi eleita com 49 votos a favor, quatro contra e seis abstenções. O almirante Augusto da Silva “Gugu” foi o primeiro votante.

A eleição e a tomada de posse foram testemunhadas por Pedro Godinho, presidente da Federação Angolana de Andebol, Carlos Luís, presidente da Faboxe, e Tony Sofrimento, secretário-geral da Federação Angolana de Basquetebol. Guilhermina Cruz representou a Direcção Provincial da Juventude e Desportos.

Dos corpos sociais eleitos, Francisco José preside à Mesa da Assembleia-Geral e tem como vice-presidente José Sabino Sawanga Kumiku. Esperança Danúbio M. Campos é a secretária. Benevenito Vaz lidera a direcção ao lado de Júlio da Silva Moreira (vice-presidente), João Santos Gregório Victor (vice-presidente), João Pedro Adão Cambole (secretário geral), José Manuel Adolfo Miyete, Ernestina Chilombo Neto e Inês Gama (vogais).

O Conselho Fiscal é liderado por Osvaldo Marques Lopes Teixeira, coadjuvado por Aníbal Agostinho Lopes (vice-presidente) e Engrácia Vanessa Marino Manuel (vogal).  Jorge Correia da Silva preside ao Conselho de Disciplina, com apoio de João Sebastião Makuédia e Maria Isabel de Freitas (vogais).

Benevenito Vaz assume a presidência de direcção do Clube Desportivo da Marinha de Guerra Angolana que substitui o Comité Desportivo Militar, criado para movimentar o desporto entre os marinheiros. Para fazer jus ao nome do clube, o vice-almirante prometeu também dinamizar a prática dos desportos náuticos em todas as unidades do ramo como prioridade. O sucesso pode acontecer a breve trecho.

A campeã africana de canoagem, Antónia de Fátima, é oficial da Marinha de Guerra Angolana e principal rosto feminino da Selecção Nacional.
O Clube Desportivo da Marinha de Guerra Angolana dedica-se para já aos desportos náuticos, andebol, basquetebol e futsal. PS: Ontem foi publicada uma foto que não fazia alusão ao presidente de direcção do Clube Desportivo da Marinha de Guerra Angolana, o vice-almirante Benevenito Sebastião Vaz. Ao presidente lesado e aos leitores, pedimos as sinceras desculpas.