Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Benguela acolhe nacional de estafeta em estrada

Gaudncio Hamelay-Lubango - 11 de Abril, 2019

Fotografia: JOS SOARES | Edies Novembro

A cidade de Benguela alberga no dia 4 do próximo mês de Maio, o Campeonato Nacional de estafeta em estrada, em ambos os sexos, na distância de 35 quilómetros, onde a província da Huíla compete com um misto com a finalidade de conquistar um lugar no pódio.
O evento constante no calendário oficial das competições da Federação Angolana de Atletismo, será percorrido em seis etapas, das quais duas contemplam 10 kms e as três de 5 kms cada, para totalizar os 35 quilómetros.
O coordenador técnico da Associação de Atletismo da Huíla, Augusto Diogo “Seco”, referiu que, nas últimas jornadas do recém terminado campeonato provincial de corta-mato, teve a gentileza de anunciar aos técnicos dos clubes, que não estão em condições de participar nesta nacional de estrada em estafeta por estrada, juntarem-se para formar um misto que represente a Huíla.
 Augusto Diogo “Seco” assegurou, que tirando os corredores dos clubes considerados “papões” na especialidade de fundo e meio fundo, nomeadamente o Interclube de Angola e os do 1º de Agosto, a província também terá uma palavra a dizer, já que os atletas juvenis e juniores demonstraram estar em condições para representar condignamente à Huíla.
“Estamos seguros de que a Huíla vai fazer uma boa prova, porque já temos atletas que estão a subir de performance e ganhar marcas a cada dia que passa”, garantiu Seco.
 A aposta que o gabinete provincial da Cultura, Turismo, Juventude e Desportos leva a cabo, para com a massificação desportiva e em particular a modalidade de atletismo, recebeu elogios do coordenador técnico da associação local da modalidade.
A exemplo disso, destacou a corrida pedestre realizada no âmbito das comemorações do Dia da Paz e Reconciliação nacional, celebrada no pretérito dia 4 do corrente mês, deu mostras desse feito positivo do processo de massificação desportiva na província.
 Revelou que o governador da província da Huíla, Luís da Fonseca Nunes, manifestou-se satisfeito com a afluência de petizes nesta actividade.
“O governador da província, também gostou da adesão dos petizes. E, inclusive, perguntou a presidente da associação Ana Isabel, se aquele número era mesmo praticantes de atletismo. E até houve escolas que não apareceram”, salientou. 
O Sport Lubango e Benfica está a trabalhar com mais de 70 atletas, todas crianças menores de 15 anos.  O clube Ferroviário da Huíla, o Interclube do Lubango, informou Augusto Diogo “Seco”, assim como o clube de Assessoria Desportiva Jamba Sport, também têm colaborado com alguns professores e escolas de ensino público e privado.