Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Bicampeão Africano confirma Zonais 4.3

Álvaro Alexandre - 15 de Abril, 2016

David Silva, bicampeão africano de juniores, confirmou a participação dos Campeonatos Africanos de Xadrez

Fotografia: Jornal dos Desportos

 O Mestre Internacional David Silva, bicampeão africano de juniores, confirmou a participação dos Campeonatos Africanos de Xadrez Individuais da Zona 4.3, a decorrer de 23 de Abril a 2 de Maio, no Hotel Riu Creole, Pointe Su Ouest, Le Morne, nas Ilhas Maurícias.

O atleta do Progresso Sambizanga vai deslocar-se na próxima semana às Ilhas Maurícias, com objectivo de assegurar a presença na 42ª edição das Olimpíadas Mundiais de Xadrez, marcado para o período entre 17 e 30 de Setembro do ano em curso, na cidade Baku, em Azerbaijão.

Para além do David Silva, o Progresso Sambizanga vai estar presente na competição da região com o MI Erikson Soares, campeão africano de juniores de 2010, título alcançado na  cidade sul-africana de  East London.

A delegação angolana é composta por setes membros. Trata-se dos Mestres Internacionais David Silva e Erikson Soares (ambos do Progresso Sambizanga), Eliseu Tavares (Polivalente Aldanuel), Manuel Alberto (Escola de Xadrez de Viana João Júlio), Fátima Reis e Valquíria Rocha (ambas da EPAL) e Irineia Gabriel (1º de Agosto).

Inicialmente estavam confirmadas as inscrições dos xadrezistas da Selecção Militar e da Escola de Xadrez de Viana João Júlio. A formação militar é constituída por Domingos Mateus, Kinuavuidi Keto, Agostinho Diogo, Adriano Gonçalves e Abel Katuma. O grupo é chefiado por Fernando Antunes e capitaneado por Avelino Fernandes. O árbitro acompanhante é Adelino Correia, presidente do Conselho Nacional da Arbitragem.

A Escola de Xadrez de Viana João Júlio marca presença com o Candidato a Mestre João Júlio, Manuel e Domingos Paulino.

Os Zonais 4.3 contam participação das selecções da África do Sul, Angola, Botswana, Ilhas Comores, Ilhas Maurícias, Lesotho, República Democrática do Congo, Malawi, Namíbia, Suazilândia, Zâmbia e Zimbabwe.