Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Bolt vence um autocarro

16 de Dezembro, 2013

A prova de 100 m é a especialidade do atleta, já lhe rendeu dois ouros olímpicos e outros dois em mundiais. O jamaicano soma seis ouros olímpicos e três títulos mundiais.

Fotografia: AFP

O homem mais rápido do Mundo, Usain Bolt, impressionou mais uma vez o mundo, sábado último, com sua velocidade, ao vencer a corrida de exibição em Buenos Aires, na Argentina, a um autocarro. Dada a largada, Bolt abriu os braços para reclamar do arranque do adversário, inferior ao dele. Continuou a correr de braços abertos, mas, na recta final, acelerou o passo para não perder a corrida.

Após a chegada, Bolt cumprimentou o motorista do autocarro, tirou fotos ao lado do veículo e também com os fãs que acompanharam a disputa, que decorreu numa das principais vias do centro de Buenos Aires. O optimismo do jamaicano antes da prova baseou-se em números. Bolt é mais leve, e acelera mais rápido que o autocarro. Pode cruzar a 30 metros de prova, enquanto o autocarro arrasta-se pelos dez primeiros.A partir dos 60 metros, a diferença pode diminuir, porque o autocarro chega mais facilmente aos 70 quilómetros por hora, contra 44 quilómetros de Bolt.

Mas ultrapassá-lo, parece muito difícil. Na prática, foi mais fácil. Bolt brincou, esperou o autocarro, ganhou a vantagem que queria, e quando o motor engrenou, já era tarde. Contra homens ou máquinas, Bolt faz sempre o mesmo: vence e diverte-se. “Pode parecer estranho, mas correr contra um autocarro é simples”, disse.

Bolt está na capital argentina a dar palestras, visitar escolas de atletismo e mostrar a velocidade no duelo com o autocarro no centro de Buenos Aires. Outros três corredores jamaicanos também participam da visita para divulgar o desporto. A prova de 100 m é a especialidade do atleta, já lhe rendeu dois ouros olímpicos e outros dois em mundiais. O jamaicano soma seis ouros olímpicos e três títulos mundiais.