Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Boonem arredado do Paris-Roubaix

01 de Abril, 2013

Tom Boonen vai ficar de fora do Paris-Roubaix e não poderá defender o título

Fotografia: AFP

O ciclista belga Tom Boonen vai ficar de fora do Paris-Roubaix e não poderá defender o título na "clássica francesa, no próximo domingo, devido à queda sofrida esta na Volta à Flandres, na Bélgica, anunciou a sua equipa.

"É duro renunciar a uma corrida destas [París-Roubaix], mas não posso montar a bicicleta. Tenho muitas dores e nos próximos dias não vou melhorar muito. Infelizmente, 2013 não é o meu ano, não é o meu número", afirmou o corredor da Omega Pharma-Quick Step, vencedor de quatro edições do "Inferno do Norte" (2005, 2008, 2009 e 2010) e que também defendia o título na Flandres, onde conta três triunfos (2005, 2006 e 2012).

O departamento médico da equipa indicou que Boonen sofreu uma contusão no lado esquerdo do peito e feridas no cotovelo esquerdo e no joelho direito que requereram alguns pontos de sutura, depois de as radiografias feitas no hospital de Roeselare não terem revelado fraturas.

"No início não conseguia respirar. Compreendi rapidamente que algo não estava bem no lado esquerdo do corpo e que a corrida tinha acabado para mim", contou Boonen, que caiu ao quilómetro 19, quando procurava tornar-se o primeiro corredor a vencer quadro edições da Volta a Flandres.


Cancellara triunfa na Volta a Flandres

Fabian Cancellara venceu de forma categórica a 100ª edição da Volta a Flandres, uma das emblemáticas clássicas do calendário mundial.
O suíço, que era apontado como um dos favoritos, atacou a cerca de 12 quilómetros do final, para depois fazer um contrarrelógio individual até à meta, onde deixou o segundo classificado, o seu adversário de “estimação”, o eslovaco Peter Sagan (Cannondale), a 1.26 minutos.

A mítica corrida, na distância de 256 quilómetros (percorrida pelo ciclista da RadioShack em 6:05.58 horas), ficou também marcada pelo abandono, devido a queda, do belga Tom Boonen (Quick Step), que podia tornar-se ontem no recordista de triunfos da Volta a Flandres, com quatro.


Parente e Loeb em grande

O piloto português Álvaro Parente iniciou da melhor forma a parceria com o francês nove vezes campeão mundial de ralis, Sébastien Loeb, ao vencerem a corrida de qualificação da ronda de Nogaro do FIA GT Series.

De acordo com a assessoria de imprensa de Álvaro Parente, o piloto português disputou o primeiro turno da prova, disputada no circuito Paul Armagnac, em Nogaro, no qual arrancou da segunda posição – depois de um dos concorrentes que se qualificara à sua frente ter sido penalizado –, mantendo o seu lugar na partida e lançando-se na perseguição ao líder.

Red Bull corta Webber
A Red Bull já admitiu que deu ordens distintas a Sebastian Vettel e a Mark Webber, momentos antes de toda a polémica 'rebentar' no GP da Malásia de F1, em Sepang. O australiano diminuiu bastante mais a regulação do motor do seu RB9 comparativamente a Vettel, que não recebeu qualquer ordem nesse sentido.