Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Brasil mantém plano de segurança para os Jogos

27 de Novembro, 2015

Cooperação policial vai funcionar nos Jogos

Fotografia: AFP

Apesar dos atentados em Paris no passado dia 13 deste mês, o governo brasileiro anunciou ontem que serão mantidos os planos contra o terrorismo para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro de 2016.

"Independentemente do que ocorreu em Paris, continuamos com o previsto, se bem que é importante estarmos mais atentos. Não há alterações, já que os nossos planos prevêem as melhores práticas para prevenir e combater o terrorismo, embora estejamos atentos e vigilantes, o que melhora os níveis de precaução"., disse Andrei Rodrigues, secretário extraordinário da Segurança e Grandes Eventos do Ministério da Justiça do Brasil.

O governante assegurou que o governo brasileiro está preocupado com o terrorismo desde muito antes dos atentados na capital francesa e explica que a cooperação internacional será essencial para prevenir actos terroristas e que o Centro Integrado de Cooperação Policial vai funcionar nos Jogos Olímpicos, assim como funcionou durante o Mundial de 2014.

Andrei Rodrigues revelou ainda que será criado um Centro Integrado Antiterrorista, tendo em vista a melhoria da colaboração entre organismos responsáveis de todos os países com as autoridades brasileiras: "Será a primeira vez que uns Jogos Olímpicos terão um espaço para que polícia, serviços secretos e de informação podem colaborar no combate ao terrorismo", concluiu.