Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Button prev dificuldades para mclaren no GP do Canad

31 de Maio, 2015

Jenson Button est satisfeito com a evoluo da McLaren em cada disputa

Fotografia: AFP

A classificação dos pilotos da McLaren, no GP de Mónaco, preocupou o britânico Jenson Button. Depois de terminar a corrida em 16º e ver seu companheiro de equipa Fernando Alonso em 17º lugar, o piloto alertou que a escuderia vai ter dificuldades pela frente no GP do Canadá, apesar de reconhecer melhorias nas posições dos últimos circuitos.

“Acho que na próxima corrida não conseguiremos apresentar um desempenho melhor porque é um circuito cheio de longas curvas, algo que não cai bem para nós”, avalia Button, que já conversou com Alonso sobre as dificuldades que a dupla deve enfrentar no dia 7 de Junho. “Nós dois gostamos do Canadá, mas sabemos que não será fácil pontuar. Depois teremos Áustria, onde teremos novas oportunidades”, conta o piloto.

Button também fez uma análise do rendimento da equipa nas últimas corridas. Para o britânico, a McLaren está a conquistar posições mais altas a cada circuito e pode melhorar a sua situação até ao fim da temporada. “Na primeira corrida terminamos entre os últimos, mas agora estamos a conquistar posições melhores. A cada corrida ganhamos novas posições na classificação geral. Estamos a ficar cada vez mais próximos dos primeiros lugares. É um passo de cada vez em  cada corrida”, diz. “Tenho esperanças de conseguir grandes melhorias até ao fim do ano”.

“Não é como se estivéssemos estáticos. Quando falo de melhorias não me refiro apenas a determinados momentos. Mas a maneira como temos trabalhado, a boa relação entre McLaren e Honda... O progresso em áreas diferentes”, concluiu.

NOVAS EQUIPAS
A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) anunciou esta semana, que vai abrir um processo para receber novos membros na Fórmula 1, a partir da temporada de 2016. No próximo ano, as equipas da Nascar e da Haas, já podem ter as estreias na competição. Por sugestão do chefe Bernie Ecclestone, as duas novas escuderias devem aderir ao campeonato. Os candidatos devem manifestar-se até o dia 30 de Junho. Depois passam por um processo selectivo mais criterioso, cujo resultado vai ser divulgado no dia 30 de Setembro.

Algumas das exigências da FIA incluem a comprovação dos seguintes itens: 1) Bons recursos e alta qualidade técnica. 2) Habilidade da equipa em captar e conseguir manter o orçamento no nível de outros participantes da competição. 3) Experiência em corridas. 4) O quanto a escuderia pode trazer para a Fórmula 1, como um todo. A federação também divulgou, que caso nenhuma equipa se encaixe nos padrões exigidos, nenhuma escuderia vai ser adicionada à Fórmula 1 nas próximas temporadas.