Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Cabinda tem campe de 16 anos

Joaquim Suami | Cabinda - 18 de Abril, 2019

Fotografia: Dr

Com a consagração, a atleta da Academia Kava-Terra está apurada para representar Cabinda na prova feminina do Campeonato Nacional a decorrer em Maio próximo na cidade de Malanje.
Helena Puati obteve \"a guia de marcha\" para as terras da Palanca Negra Gigante, depois de derrotar na final Gertrudes Puati (Academia Dangeroux) e Erdiolinda Gomes (Academia Okinawa).
Na classe masculina, António Muanda, da pré-selecção de Cabinda, qualificou-se em primeiro lugar nos estilos de kata individual e de combate. Derrotou na final Alberto Kuala (Academia Domingos Franque) e Victor Macundi (Academia Dangeroux).  
Na categoria infantil, Alberto Bungo, de 12 anos de idade e da Academia Domingos Franque, venceu a prova nos estilos de kata individual e de combate. Derrotou na final João Puati (Academia kava-terra) e Maurício Manana (Academia Okinawa).
Por equipa, A academia Okinawa ocupou o primeiro lugar, seguido da Academia Dangeroux e da pré-selecção local.
A IXª edição do campeonato provincial de karaté-do contou com a participação de sete academias e congregou um total de 150 atletas, 20 técnicos e oito árbitros de categoria A.
O presidente da Associação Provincial de Karaté-do, Alberto Ferreira, augura as conquistas de medalhas de ouro nas categorias de kata individual, Kumite individual, combates e por equipas no \"nacional\" a decorrer em Malanje. As mínimas condições técnicas e administrativas à disposição das Academias e dos atletas vão ajudar a selecção local a representar com dignidade a província.
\"Estamos ansiosos pela prestação dos atletas apurados no campeonato nacional. Auguramos uma representação condigna\", disse.
Alberto Ferreira assegurou que a Associação provincial vai assumir, por meio da selecção local, os custos dos atletas da Academia Okinawa e Dangeroux. Os dois clubes enfrentam dificuldades financeiras.