Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Cal Crutchlow surpreende favoritos

22 de Agosto, 2016

MotoGP voltou a registar nova surpresa com o triunfo de um "outsider" no GP da República Checa

Fotografia: AFP

Primeira vitória de Cal Crutchlow no MotoGP, a primeira da LCR Honda e a primeira de um britânico na categoria “rainha” do Motociclismo desde Barry Sheene no GP da Suécia de 1981. O britânico venceu ontem o Grande Prémio da República Checa em condições adversas. É o sexto vencedor diferente nas últimas seis provas.

De 15º no final da terceira volta, Crutchlow soube aguardar pacientemente pelo seu momento para subir na tabela e aproveitar a excelente escolha de pneus para uma corrida que começou com piso húmido, mas foi secando com o passar do tempo. Ao contrário da maioria dos pilotos, o britânico optou por um composto para chuva mais duro em contrataste com uma opção mais macia.

A chegada à liderança deu-se a sete voltas do fim, momento em que ultrapassou Andrea Iannone, que vinha a liderar há muito a corrida. A partir daí foi só manter a vantagem sobre a concorrência, que passou a ser Valentino Rossi, também ele protagonista de uma enorme recuperação.

O italiano chegou a rodar fora dos dez primeiros, mas recuperou. A estratégia era a mesma de Crutchlow e foi subindo posições, ultrapassando Marc Marquez, que começou por liderar, mas foi perdendo posições. O piloto da Honda preferiu não atacar e pensar no campeonato, onde é primeiro. Sem nunca cometer nenhum excesso, Márquez foi o primeiro piloto dos que escolheram os pneus mais macios.

Seguiram-se os dois pilotos da Avintia Racing Ducati, com Loris Baz na frente de Héctor Barberá. O piloto francês adoptou a mesma táctica de Crutchlow e Rossi e no final foi recompensado com a sua melhor classificação até ao momento em MotoGP.

Quanto a Jorge Lorenzo, o espanhol da Yamaha abandonou e foi ultrapassado por Valentino Rossi na classificação do Mundial de Pilotos. O italiano é agora segundo a 53 pontos de Marc Marquez, que continua na frente.

A classificação do Mundial de Pilotos é a seguinte: 1º Marc Marquez, 197 pontos;
2º Valentino Rossi, 144; 3º Jorge Lorenzo, 138; 4º Dani Pedrosa, 109; 5º Maverick Vinales, 100; 6º Andrea Iannone, 96; 7º Pol Espargaro, 81 e 8º Andrea Dovizioso, 79 pontos.