Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Campe est nos oitavos

03 de Junho, 2017

Grand Slam francs prossegue sem grandes surpresas at ao momento

Fotografia: AFP

A tenista espanhola Garbiñe Muguruza, campeã em título, qualificou-se ontem para os oitavos -de -final da Roland Garros, segundo torneio do ‘Grand Slam’, ao vencer a cazaque Yulia Putintseva, em dois ‘sets’.

A espanhola que é a quarta cabeça -de - série, precisou de uma hora e 40 minutos para afastar a russa, 27.ª pré-designada, por 7-5, 6-2. Pela quarta vez consecutiva, nos oitavos -de -final, Muguruza vai defrontar a norte-americana Shelby Rogers, ou a francesa Kristina Mladenovic, 13.ª cabeça -de -série.

Também as duas tenistas mais cotadas em acção - a romena Simona Halep (3.ª) e a checa Karolina Pliscova (2.ª) - seguiram em frente.

Em masculino, o escocês Andy Murray, primeiro cabeça -de -série, e o suíço Stanislas Wawrinka, terceiro, continuam em prova no torneio da Roland Garros, após vitórias na segunda ronda do \'grand slam\' francês.

Depois de Rafael Nadal e Novak Djokovic, apurados na véspera, o torneio parisiense continua com o \'top-4\' sem grandes problemas,  a avançar  para a terceira ronda.

Murray que nem sequer é especialista de terra batida, venceu o eslovaco Martin Klizan em quatro ‘sets’. O actual líder do \'ranking\' e finalista do torneio em 2016, conseguiu uma reviravolta frente ao 50.º da tabela, para vencer por 6-7 (3-7), 6-2, 6-2 e 7-6 (7-3), em três horas e 35 minutos.

Na próxima ronda, Murray vai encontrar-se com  o argentino Juan Martin del Potro, 29.º cabeça de série, que beneficiou da desistência do espanhol Nicolas Almagro, no início do terceiro ‘set’.

Almagro lesionou-se no joelho esquerdo, forçado a sair do terreno, em lágrimas, amparado pelo próprio Del Potro.

Curiosamente, o argentino foi muito flagelado por lesões nas últimas épocas, era quem parecia estar pior, com queixas num adutor e evidentes problemas de mobilidade. Com 6-3, 3-6, 1-1 e abandono, Del Potro chega, após quatro anos de ausência, à terceira ronda da prova.

Mais cedo, Wawrinka número três mundial bateu o ucraniano Alexandr Dolgopolov.

O campeão de terra batida parisiense em 2015, superou o 89.º do mundo, por 6-4, 7-6 (7-5) e 7-5. O suíço procura o seu quarto ‘major’, vai defrontar agora o italiano Fabio Fognini, 28.º cabeça de série, vencedor do também transalpino Andreas Seppi.

O tenista mais cotado a cair nesta ronda, acabou por ser o checo Tomas Berdych, 13.º, derrotado pelo russo Karen Kachakov, por 7-5, 6-4 e 6-4.