Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Campeonato de Estrada começa no Huambo

Simão Kibonda - 13 de Julho, 2015

Benfica de Luanda é o principal favorito à conquista de lugares cimeiros

Fotografia: M. Machagongo

O XXV Campeonato Nacional de Ciclismo de Estrada, disputa-se de 16 a 19 do corrente, na Província do Huambo, conta com  a participação de todos associados da Federação Angolana da modalidade (FACI), a província de Luanda com oito equipas, vai constituir o grosso do pelotão.

A realização da prova esteve sujeita a contratempos e riscos de ser transferida, para a capital o País, daí, os adiamentos observados, pois a primeira data indicativa e de acordo com os regulamentos internacionais para os Campeonatos Nacionais, devia ocorrer entre 26 e 29 de Junho, para coincidir com a 26ª semana do ano.

O segundo adiamento, - 06 a 09 de Julho -, foi enjeitado pelo facto dos melhores ciclistas angolanos terem participado na III edição da Volta a Republica Democrática do Congo, em que Angola, através da equipa do Benfica de Luanda, obteve uma das maiores vitórias do Ciclismo angolano dos últimos tempos.

Na primeira tentativa,  que ocorreu para a realização do Campeonato Nacional de Ciclismo de Estrada, nas terras do Rei Ekuiki, as autoridades locais não tinham dado nenhuma garantia de apoio à Federação Angolana de Ciclismo (FACI).

A FACI, no âmbito do seu programa de desenvolvimento da modalidade, um pouco por todo o País, reconsiderou a posição, voltou  a colocar a província do Huambo, na rota da competição anual mais importante.

 ETAPAS
Prova em Linha
passa no Bailundo


A competição com periodicidade anual, tem como um dos objectivos, o apuramento dos campeões nacionais nos diversos escalões etários, desde os  seniores, juniores, juvenis e cadetes, sem olvidar os (Masters) veteranos, nas especialidades  em linha ( fundo) e contra-relógios ( individuais e por equipas), vai terminar no domingo ( 19.07) com um circuito - fechado  de consagração dos campeões, nas principais artérias da Cidade do Huambo.
A prova em Linha de mais de 150 quilómetros, que vai definir os campeões nacionais de resistência e abre  as hostilidades entre os concorrentes, disputa-se quinta-feira  ( 16.07), entre a cidade do Huambo e o município do Bailundo, com o términos na capital da província.

Os contra-relógios, serão todos disputados na Caála, a prova  por equipas disputa-se na sexta-feira ( 17.07) e os individuais no Sábado ( 18.07).
O ciclista Igor Silva, 30 anos, principal corredor do Sport Luanda e Benfica,  é o detentor dos títulos nacionais nos últimos anos, tanto nas provas de resistência ( linha) como nos contra-relógios ( velocidade). Em termos colectivos, o Benfica de Luanda tem dominado as competições.
                                          

TRANSPORTE
Ango Real leva
as caravanas


As equipas de Luanda confirmadas para o XXV Nacional de Ciclismo de Estrada, nomeadamente, Benfica de Luanda, Santos Futebol Clube, o núcleo do Cazenga, Rangel , Macovi e Kilamba - Kiaxe,  deslocam-se ao cenário das competições nas primeiras horas desta quarta -  feira (15.07), por via terrestre, em autocarros da transportadora  Ango Real que vai transportar  as caravanas, a título de patrocínio.

As representações provinciais, de Benguela, Huíla, Cuanza- Sul, Uíge, Lunda - Norte e Bié, juntam-se no mesmo dia aos anfitriões (Huambo), para no período nocturno de quarta-feira (15.07) participarem na reunião técnica, para o pontapé de saída de  mais um Campeonato Nacional de Ciclismo de Estrada.

O XXV Campeonato Nacional de Ciclismo de Estrada,  este ano, coincide com o 36º aniversário da fundação da FACI. Note-se, que a FACI foi fundada a 10 de Julho de 1979.

Além do apoio que a Ango Real concede a FACI, o Benfica de Luanda e o Santos Futebol Clube, informaram a organização que vão levar para a província do Huambo, os seus  autocarros e carros de apoio.
A organização alugou, igualmente, os carros de apoio para as equipas técnicas, que já estão a caminho do cenário da competição.
Simão Kibonda