Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Campeonato entra na fase decisiva

Manuel de Sousa - 15 de Janeiro, 2016

Hoquistas com competição renhida

Fotografia: M.Machangongo

A última jornada da fase preliminar do 36º campeonato nacional de hóquei em patins na categoria de juvenis que decorre na cidade do Namibe desde sábado passado, reserva para hoje os confrontos, Banca-Juventude do Lubango, Hoquei2000-Ferroviario, Sporting-Exército, Académica do Lobito-1ºde Agosto, Benfica-Atlético e o jogo mais aguardado entre a Académica de Luanda e a CPPL.

Ontem, no encerramento da quarta jornada, o Académica do Lobito venceu o ferroviário por 4-2, a Juventude do Lubango bateu o Benfica por 6-1, o Exército foi goleado pela Banca por 8-0, o 1ºde Agosto perdeu frente à CPPL por 5-2, o Atlético passou pelo Sporting por 6-1 e a Académica de Luanda cilindrou o Hóquei2000 por expressivos 9-1.

Na classificação a Académica de Luanda comanda a série B com 12 pontos ao passo que a CPPL vem a seguir com 10. A série A é liderada pela Banca com 12 pontos,  seguida pelo Atlético do Namibe com 9 pontos.

Esta sexta-feira regista-se a segunda paragem na prova e amanhã começam as classificativas do quinto ao decimo segundo lugar, bem como a disputa da semi-final, que vai proporcionar os jogos Banca- CPPL e Académica de Luanda Atlético do Namibe. Os vencedores irão disputar a final no domingo ao passo que os vencidos disputaram a qualificativas para o terceiro e quarto lugar.

Fábio Faria da Académica de Luanda comanda a lista dos melhores marcadores com 22 golos marcados, seguido de Alfredo Pinto do Grupo Desportivo da Banca com 18 golos marcados. O guarda-redes da CPPL Simonal Madeira é o menos batido com apenas um golo sofrido, secundado por Gremilson Catahal da Académica do Lobito com quatro.

Tendo em conta os incidentes registados no dia 11 do correntes mês, em que a equipa da Juventude do Lubango não se fez presente na quadra de jogos, para a realização da partida da terceira jornada frente ao Atlético do Namibe , a comissão organizadora da prova determinou que fica alterado os cinco minutos de tempo de jogo para todos os jogadores inscritos para três.

A comissão organizadora definiu como improcedente o protesto apresentado pela Juventude do Lubango, em que lhe foi retirado três pontos na vitória diante do Sporting de Moçamedes por incumprimento do regulamento da prova.

A comissão organizadora do campeonato nacional de juvenis de hóquei em patins em juvenis, suspendeu o presidente da Associação Provincial de hóquei em patins da Huíla, por actos de vandalismo, e ofensas aos membros da comissão organizadora do campeonato e aos elementos da mesa de jogo.