Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Centros de alto rendimento preparam atletas para o mundial

Rosa Napoleão - 04 de Julho, 2015

Selecções nacionais de ginástica trabalham há uma semana nos centros de alto rendimento de Benguela e Huambo

Fotografia: Nuno Flash

As selecções nacionais de ginástica, nas disciplinas de trampolins, tumbling e duplo mini, trabalham há uma semana nos centros de alto rendimento de Benguela e Huambo, com vista à representação no campeonato do mundo, a decorrer na Dinamarca.

A prova vai ser disputada em todas as categorias, está a ser preparada nos centros especiais de Benguela e Huambo.

O conjunto masculino de tumbling encontra-se no centro de Benguela e treina sob a orientação do treinador português João Castelo.

Os representantes da ginástica rítmica encontram-se igualmente no centro de Benguela, mas estão a ser orientados pela treinadora brasileira Larissa Ribeiro.

O centro de treino especial do Huambo tem a responsabilidade de albergar o segundo conjunto de duplo mini. Para esses atletas, espera-se a chegada de um treinador japonês, que deve chegar até segunda-feira.

O director técnico federativo, Agostinho Sungo, referiu ao JD que os conjuntos  nacionais estão conscientes das dificuldades a encontrar, mas vão dar o máximo para mostrar evolução e confiança num futuro promissor da modalidade em Angola e em África.

“Temos consciência, que na prova, participam as grandes potências do mundo. Começamos a dominar no continente africano e agora vamos apostar também no mundo, onde pretendemos ganhar experiência e competir com os fortes da modalidade, para atingirmos outros níveis”, disse.

A ginástica nacional já conquistou várias medalhas a nível de África, bem como uma de ouro na Taça do Mundo, em Portugal, através da angolana Ana Panzo. O circuito português contou com a participação 17 países na especialidade de ginástica rítmica individual e por aparelhos.

A Federação Angolana de Ginástica (FAG) realiza um importante trabalho de massificação, de especialidade em todo o país, é dirigida pelo professor de educação física e desportos, Auxílio Jacob.