Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Charles Oakley pede desculpa

12 de Fevereiro, 2017

Oakley foi retirado do recinto e detido pela polícia nova-iorquina

Fotografia: AFP

O antigo basquetebolista dos New York Knicks Charles Oakley pediu sexta-feira desculpas pelos confrontos físicos em que se envolveu quarta-feira nas bancadas do, mas enjeitando responsabilidade pelos acontecimentos.

“Quero apresentar as minhas desculpas aos espectadores e a todos os que presenciaram a cena, mas não sou alguém que provoque problemas”, declarou o antigo basquetebolista.

Charles Oakley foi detido na quarta-feira depois de se ter envolvido em confrontos físicos nas bancadas do Madison Square Garden, onde assistia ao jogo dos Knicks com os Los Angeles Clippers, da liga norte-americana de basquetebol (NBA), perto do proprietário da equipa nova-iorquina, James Dolan, com quem manteve sempre uma relação tensa.

Segundo um elemento das relações públicas da equipa de Nova Iorque, Oakley foi retirado do recinto e detido pela polícia nova-iorquina.

“Não falei com ele (James Dolan), muito menos o insultei”, disse Okley à rádio ESPN, sustentando que tudo começou quando foi abordado no interior do recinto por “oito a dez pessoas” que lhe deram instruções para abandonar o local.

LESÃO
O extremo Jabari Parker, dos Milwaukee Bucks, da liga norte-americana de basquetebol (NBA), vai ficar inactivo durante um ano depois de se ter voltado a lesionar no joelho esquerdo, volvidos dois anos sobre a primeira lesão grave que contraiu.
"Os exames realizados hoje revelaram que Parker sofreu uma ruptura do ligamento anterior cruzado do joelho esquerdo", explicou um porta-voz dos Bucks.

O extremo, segundo melhor marcador da equipa, lesionou-se durante o terceiro período do jogo de quarta-feira frente aos Miami Heat, que venceram por 106-88.

"Será operado em breve e não jogará mais esta época. A duração total da ausência é estimada em doze meses", informou o mesmo porta-voz do clube
Segunda escolha do “Draft” de 2014, Parker, de 21 anos, viu sua estreia na NBA marcada por uma primeira séria lesão no joelho esquerdo, em Dezembro de 2014.

Desde o início da temporada, Parker tem uma média de 20,1 pontos, 6,2 ressaltos e 2,8 assistências por jogo e tinha conseguido superar a fasquia dos 20 pontos em 28 jogos dos 51 que realizou.


Usain Bolt
regressa vitorioso


O velocista jamaicano Usain Bolt regressou ontem às pistas depois dos Jogos Olímpicos Rio2016 com uma dupla vitória, nos 150 e 4x100 metros, no ‘meeting’ Nitro Athletics, em Melbourne, Austrália.

O Nitro Athletics contempla provas tradicionais e algumas alteradas para possibilitar duas horas ininterruptas de competição, entre equipas de 12 homens e 12 mulheres.

O campeão olímpico dos 100 e 200 metros nos Jogos Pequim2008, Londres2012 e Rio2016 foi cronometrado nos 150 metros em 14,35 segundos, mais um segundo que o seu próprio recorde mundial, registado em 2009, na cidade inglesa de Manchester.

“É a primeira vez que me sinto em forma no mês de Fevereiro. Estou muito contente por ter disputado a minha primeira corrida a ‘solo’. Senti-me bem e não sofri qualquer mazela. Ainda tenho alguns meses [para os Mundiais]”, comentou no final Usain Bolt, em referência às competições que vão em Londres, em Agosto.

Cerca de 45 minutos depois, Bolt disputou, com o mesmo sucesso, a estafeta dos 4x100 metros, com uma equipa mista composta pelos compatriotas
Asafa Powell e Natasha Morrison e a norte-americana Jeneba Tarmoh.

A equipa ‘all star’ de Bolt completou a prova em 40,45 segundos.

“Vou tentar disputar o máximo de provas que puder, para me apresentar na melhor das formas para que todo o mundo me possa ver antes de abandonar”, disse ainda o velocista, eleito melhor atleta do ano pela Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF) em 2008, 2009, 2011, 2012, 2013 e 2016).