Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Cielo é bicampeão mundial

09 de Dezembro, 2014

Nadador brasileiro brilhou nas piscinas do Qatar e conseguiu conquistar o segundo título mundial

Fotografia: AFP

Com desforra sobre o rival Florent Manadou, o brasileiro César Cielo sagrou-se domingo bicampeão mundial de natação em piscina curta nos 100 m, numa competição disputada em Doha, no Qatar.O paulista de Santa Bárbara do Oeste protagonizou outro grande duelo com o francês, que o havia vencido na sexta-feira, nos 50 m. Dois dias depois, o tempo de 45s75 valeu o título para Cielo. Manadou foi só seis centésimos mais lento.

O russo Danila Izotov, com o tempo de 46s09, ficou com a medalha de bronze, enquanto outro brasileiro que disputou a final dos 100 m, João de Lucca, ficou na sétima posição, com o tempo 47s05.Um dos maiores velocistas da actualidade, Cielo chegou sob pressão à prova depois da derrota com Manadou. No sábado, o agora bicampeão já tinha conquistado o bronze na disputa dos 4x100 m livres mistos, abrindo os trabalhos para a equipa brasileira.Além disso, o paulista ainda conquistou o ouro na disputa dos 4x50 m medley, com Felipe França, Nicholas Santos e Guilherme Guido. Com isso, esta é a quarta medalha dourada do nadador paulista em Mundiais em Piscina Curta, de 25 m de extensão. Quatro anos atrás, em Dubai, nos Emirados Árabes, Cielo havia conquistado os títulos nos 50 e 100 m livres. Além disso, arrebatou mais dois bronzes naquela competição.

COMPETIÇÃO FEMININA

Em femininos, Etiene Medeiros fez história também no domingo ao conquistar a primeira medalha de ouro para o Brasil numa prova do Campeonato do Mundo deNatação em piscina curta, nos 50 m costas. Para completar, a nadadora quebrou o recorde mundial na modalidade.A pernambucana, 23 anos, venceu as rivais com muita autoridade, fazendo tempo de 25s67, deixando para trás a marca que pertencia à croata Sanja Jovanovic, de 25s70. O recorde perdurava desde 2009, no Campeonato Europeu disputado em Istambul. A australiana Emily Seebohm ficou com a medalha de prata, com o tempo de 25s83, enquanto a "Dama de Ferro", a húngara Katinka Hosszu, que já tinha três ouros na competição, ficou com o bronze, nadando a distância em 25s96. Desde o início da competição, quinta-feira, as brasileiras só tinham subido ao pódio em provas de revezamento misto, nos 4x50 m livres e medley. A própria Etiene participou nas duas, ficando com um bronze e um ouro.Outra atleta do país que levou medalha para casa foi Larissa Oliveira, responsável por fechar as duas provas por equipas.

Manaudou estabelece novo
recorde mundial de piscina


O francês Florent Manaudou conquistou, este sábado, a medalha de ouro nos 50 metros costas, nos Mundiais de piscina curta, que decorrem em Doha.Com a marca de 22,22 segundos, este é o segundo título mundial e o segundo recorde do mundo para o nadador gaulês, de 24 anos, que na sexta-feira se tinha sagrado campeão do mundo, nos 50 metros livres, com nova marca planetária.Antes destes Mundiais de piscina curta, Manaudou, que foi campeão olímpico em 2012, nunca tinha conquistado qualquer título mundial individual nem batido qualquer recorde do mundo.