Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Cláudio Félix vai representar Luanda

Álvaro Alexandre - 15 de Setembro, 2013

Presença regular entre os melhores atletas motivou na escolha do jovem (à esquerda)

Fotografia: Jornal dos Desportos

O secretário-geral da Associação de Xadrez de Luanda, Francisco Andrade, confirmou a escolha do atleta do Polivalente Aldanuel. “A direcção da Associação de Luanda, como organizador do campeonato nacional absoluto, preencheu a vaga de direito com o xadrezista Cláudio Félix, que mereceu um cuidadoso acompanhamento”, confirmou.

Apesar de não ter conseguido o apuramento directo no Zonal A, a escolha de Cláudio Félix “foi um tributo ao xadrezista que exerceu uma actividade regular nas competições organizadas nos últimos tempos em Luanda”.

“Sempre esteve entre os 20 melhores na maior parte das provas e com a excepção dos xadrezistas titulados pela Fide e FAX não havia outra escolha a não ser Cláudio Félix”, justificou.

A fase final do Campeonato Nacional Absoluto é disputada por 33 atletas. Os dez principais tabuleiros da primeira jornada do nacional absoluto são ocupados pelos atletas titulados pela Fide, ordenados em função ao valor do rating internacional.

O grupo está constituído pelo Mestre Internacional Adérito Pedro (2.323), atleta do 1º de Agosto; Candidato a Mestre João Simões (2.235), da EPAL; CM Sérgio Miguel (2.215), 1º de Agosto; CM Tito Agostinho (2.207), 1º de Agosto; MI Amorim Agnelo (2.197), 1º de Agosto; Mestre Fide Ediberto Domingos (2.195), 1º de Agosto; MI Armindo de Sousa (2.193), EPAL; MI Erikson Soares (2.177), 1º de Agosto, e CM Sílvio Famoroso (2.017), do Progresso Associação do Sambizanga.